Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 07/08/2020

Política de MT - A | + A

NOVO DECRETO 11.07.2020 | 09h42

Pinheiro prorroga novamente suspensão de aulas presenciais

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

O prefeito Emanuel Pinheiro prorrogou para o dia 2 de agosto a suspensão das atividades presenciais nas unidades escolares públicas e particulares do Município, em todos os níveis. O Decreto nº 7.998, que dispõe sobre medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, deve ser publicado no Diário Oficial da próxima segunda-feira (13).

 

O novo documento cumpre medidas de segurança e prevenção estabelecidas no Decreto nº 7.849 de 20 de março deste ano, que determinou a suspensão das atividades presenciais nas unidades educacionais do Município diante da situação de emergência provocada pela pandemia, e altera o artigo 2º do Decreto nº 7.890 de 27 de abril que determinava o retorno das aulas no último dia 12 de julho, com a adoção de uma série de medidas de biossegurança, reunidas num Plano Estratégico de retomada gradativa e segura das atividades presenciais nos estabelecimentos da Capital.

 

Leia também - Seduc propõe volta às aulas não presenciais no início de agosto

 

De acordo com o prefeito Emanuel Pinheiro, a prorrogação da suspensão das atividades educacionais continua sendo necessária diante da real possibilidade de propagação do novo coronavírus no ambiente escola-família e visa preservar a saúde da população em razão do grande número de pessoas envolvidas nos serviços educacionais. Cuiabá possui 164 unidades educacionais na rede pública municipal de Ensino, envolvendo mais de 52 mil alunos, além de 55 mil alunos na rede privada, o que totaliza aproximadamente 107 mil alunos.

 

“Estamos acompanhando diariamente, com cautela e responsabilidade, os indicadores relacionados à Covid-19 na nossa capital, no estado e também no Brasil. Todas as nossas decisões se baseiam nas recomendações do Comitê de Enfrentamento, das autoridades médicas e sanitárias, tendo sempre a preocupação de zelar pela saúde da população cuiabana e pela saúde das nossas crianças. Diante disso, as atividades presenciais nas unidades de ensino devem ser retomadas quando houver segurança para isso e com a adoção de medidas de prevenção”, salientou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

OLIVEIRA CUIABANO - 12/07/2020

ESTE PREFEITO E UM PATETICO AGORA QUE O MUNICIPIO ESTA MORRENDO GENTE A MINGUA E SEM LEITO O MESMO VEM FALAR EM ABRIR INICIAR AS AULAS NO DIA 02 DE AGOSTO, PRIMEIRO ENQUANTO NÃO RESTABELECER A NORMALIDADE DA PADEMIA NÃO DEVE INICIAR AS AULAS, PORQUE O ESTADO E MUNICIPIO NÃO CUMPRIU E NÃO CUMPRE SEU PAPEL QUE E SELAR PELA POPULAÇÃO QUE ESTA MORRENDO POR FALTA DE LEITO. O MINISTERIO PUBLICO TEM QUE DETERMINAR QUE O ESTADO E MUNCIPIO NÃO INICIA AS AULAS ATÉ QUE SEJA NORMALIDADE A EPIDEMIA.

1 comentários

1 de 1

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 07/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,85 1,28%

Algodão R$ 117,52 1,06%

Boi a Vista R$ 136,40 0,12%

Soja Disponível R$ 75,00 1,35%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.