Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 20/10/2020

Política de MT - A | + A

CORRIDA AO ALENCASTRO 17.09.2020 | 17h04

Por reeleição, Emanuel Pinheiro enfrentará 7 adversários nas urnas

Facebook Print google plus

GazetaDigital

GazetaDigital

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), que tentará a reeleição nas eleições municipais deste ano terá 7 concorrentes na corrida ao Palácio Alencastro. Emanuel Pinheiro terá como vice o seu ex-secretário José Roberto Stopa (PV). O gestor também terá a maior coligação da capital, com a chapa "A Mudança Merece Continuar" (MDB,PV,PP,PSDB,PSB,PL,PTC,PCdoB,PMB,PTB,SD e Republicanos).  

 

Já o ex-prefeito Roberto França (Patriota) tentará retornar ao comando da capital, tendo como vice o vereador Marcelo Bussiki (DEM). França será oposição de Pinheiro e conquistou o apoio do governador Mauro Mendes (DEM) e do presidente da Assembleia, Eduardo Botelho (DEM). A coligação ainda terá o PSD, do senador Carlos Fávaro.  

 

Leia também - Após anunciar candidatura, prefeita de Sinop desiste da reeleição

 

Outro postulante ao cargo é o vereador Abílio Júnior (Pode). Ele terá como vice na chapa o também vereador Felipe Wellaton (Cidadania).  Ambos lideram a oposição ao governo Emanuel Pinheiro dentro da Câmara de Vereadores. Os dois foram os responsáveis por várias denúncias contra a gestão que culminaram em operações policiais e afastamento de secretários municipais. O PSC também compõe a coligação.  

 

Já o PT lançou chapa pura com o ex-juiz federal Julier Sebastião para prefeito e a professora Vera Bortolini como vice. Julier chegou a disputar em 2016 pelo PDT, ficando em 4º lugar.  

 

O PROS lançou a ex-superintendente do Procon de Mato Grosso, Gisela Simona, como a única candidata mulher na disputa pela Prefeitura de Cuiabá. Gisela busca o bom desempenho da disputa de 2018, quando foi a candidata a deputada federal mais votada na capital. Porém, conquistou apenas uma suplência.  Ela terá como vice o maestro Fabrício Carvalho (PDT). A coligação ainda conta com o Avante e a Rede Sustentabilidade.  

 

O PSOL também disputará o pleito com chapa pura, tendo Gilberto Lopes como prefeito e Itei Daltro como vice. O Novo lançou Paulo Grando  e Alvini Laurindo. O PSL, que tem o maior recurso de fundo eleitoral, lançou o advogado Aécio Rodrigues para prefeito, e Luiz Antônio de Carvalho (PRTB) de vice.  

 

A eleição ocorrerá no dia 15 de novembro e teto de gasto de campanha por candidato será de R$ 10.2 milhões no primeiro turno, e R$ 4.1 milhões caso haja 2º turno.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Gonçalo - 17/09/2020

Infelizmente o cuiabano terá mais uma vez que optar pelo "menos ruim".

1 comentários

1 de 1

Enquete

Como você avalia a ausência de um candidato convidado para debater com adversários?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 20/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,10 0,53%

Algodão R$ 90,02 0,51%

Boi a Vista R$ 131,66 -0,07%

Soja Disponível R$ 68,00 -0,22%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.