Publicidade

Cuiabá, Sábado 24/10/2020

Política de MT - A | + A

veja vídeo 26.09.2020 | 07h45

Prefeito investigado diz que denúncia é fruto de briga familiar

Facebook Print google plus
Noelisa Andreola

noelisa@gazetadigital.com.br

Reprodução Facebook

Reprodução Facebook

O prefeito de Santo Antônio de Leverger (34 km ao sul de Cuiabá), Valdir Castro Pereira Filho (PSD), o Valdirzinho, investigado pelo Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco) por usar recursos da prefeitura para pagar dívidas de familiares, se manifestou sobre o caso na sexta-feira (25) e afirmou que o inquérito "não passa de uma briga familiar". Isso porque a denúncia que originou a investigação foi feita pelo irmão do gestor. 

 

Em vídeo divulgada em uma rede social, Valdirzinho afirma que a ação do Naco "vem ao encontro dos nossos anseios para resolver logo" a situação que "não passa de uma briga familiar". Enfatizou ainda que nunca deixou de "prestar esclarecimentos, fornecer documentos, muito menos atrapalhamos a investigação".

 

Leia também - Veja vídeo - Operação tem como alvo prefeito de Santo Antônio de Leverger

 

"Sempre me coloquei à disposição para dar todos os esclarecimentos que me foi cobrado", diz ele em outro trecho do vídeo. O prefeito ainda garantiu que não irá deixar seu mandato. "Sigo firme e forte no meu propósito de construir uma cidade melhor pra nossa gente. Irei terminar a minha missão, sem fugir das minhas obrigações, responsabilidades e deveres com à população".

 

 

Veja vídeo 

 

Entenda o caso
Na manhã de sexta-feira (25), a prefeitura e duas secretarias foram alvos de mandados de busca e apreensão nas investigações por fraudes em licitações e contratos.


Valdirzinho foi denunciado pelo Ministério Público do Estado (MPE) por receber propina nas obras de escolas, da sede dos Correios no distrito de Mimoso e na recuperação da caixa d'água.


Em uma das transações ilegais ele foi gravado recebido R$ 2,5 mil e a denúncia encaminhada para a Câmara de Vereadores, que rejeitou, por maioria, a abertura de investigação.


Foram apreendidos documentos, pastas e arquivos relacionados aos contratos firmados entre o município de Santo Antônio de Leverger e a empresa Revitalizar Comércio de Peças e Serviços Ltda. Além de ordens de pagamento, de serviços, comprovantes da prestação de serviços, notas fiscais, recibos e empenhos.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Marco - 26/09/2020

Tem que investigar mesmo, pois vem muito dinheiro para o município e nada é feito, temos um hospital desestruturado , falta de infraestrutura, falta de água e ninguém faz nada, parece que o gestor é blindado. Tomara que mude nessa eleição.

1 comentários

1 de 1

Enquete

Como você avalia a ausência de um candidato convidado para debater com adversários?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 23/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,00 2,52%

Algodão R$ 125,19 1,55%

Boi à vista R$ 242,24 0,00%

Soja Disponível R$ 161,50 0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.