Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 30/03/2020

Política de MT - A | + A

eleição suplementar 12.12.2019 | 12h11

PT avalia nomes de Abicalil, Rosa Neide e Valdir Barranco para disputa ao Senado

Facebook Print google plus

Arquivo/Montagem GazetaDigital

Arquivo/Montagem GazetaDigital

O Partido dos Trabalhadores (PT) pretende apresentar nas próximas semanas um nome para disputar a eleição suplementar para o Senado que deverá ocorrer até junho do ano que vem.

 

Entre os nomes estão o ex-deputado federal Carlos Abicalil, a deputada federal Rosa Neide (PT) e o deputado estadual e presidente regional da sigla, Valdir Barranco. 

 

Conforme o apurou, as discussões já estariam avançadas com os 3 postulantes à vaga. Abicali foi deputado federal pelo PT entre 2003 e 2010, ano em que se candidatou ao Senado e acabou ficando em terceiro lugar, atrás de Pedro Taques (PSDB) e Blairo Maggi (PP). 

 

Leia também - MPF reafirma irregularidades nas contas de Neri e Janaina

 

Barranco colocou o seu nome à disposição da legenda, visando representar a agricultura familiar e polarizar com o agronegócio, que já trabalha com 4 pré-candidatos: Carlos Fávaro (PSD), Adilton Sachetti (PRB), Nislon Leitão (PSDB) e o presidente da Aprosoja Mato Grosso e vice-presidente da Aprosoja Brasil, Antonio Galvan. 

 

O terceiro nome que os petistas avaliam é Rosa Neide, eleita deputada federal no ano passado com mais de 51 mil votos. Ligada a Educação, Rosa Neide foi secretária de Estado de Educação (Seduc), é considerada "herdeira política" de Abicalil e do ex-deputado federal Ságuas Moraes. 

 

A sigla pretende contar com a presença do ex-presidente Lula no lançamento da pré-candidatura da legenda para o Senado. 

 

Nova eleição 

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Mato Grosso deverá convocar nova eleição para a vaga deixada pela senadora cassada Selma Arruda (Pode). Na última terça-feira (10), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o recurso de Selma e manteve a sua cassação por caixa 2 e abuso de poder econômico. Foram 6 votos a 1 para manter a cassação. Selma poderá recorrer da decisão.

 

No entanto, o julgamento determinou a execução imediata da cassação, que ocorrerá após a publicação do acórdão e a notificação da Mesa Diretora do Senado.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

joana - 12/12/2019

Deus nos livre

jaime - 12/12/2019

- O candidato ao Senado tem que ser o BEZERRA, pois foi ele quem armou a "arapuca" pra tirar o Julier da magistratura. O povo de mato grosso deve muito a ele por esta façanha....

2 comentários

1 de 1

Enquete

Levando em consideração as condições sanitárias do país, você optaria por:

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 30/03/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,25 -1,22%

Algodão R$ 92,61 0,03%

Boi a Vista R$ 139,67 0,00%

Soja Disponível R$ 67,90 -0,22%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.