Publicidade

Cuiabá, Sábado 11/07/2020

Política de MT - A | + A

Investigação na Câmara 01.06.2020 | 20h53

Riva não pode deixar de comparecer à CPI e defesa quer adiamento

Facebook Print google plus

Chico Ferreira

Chico Ferreira

Fórum da Capital

O ex-deputado José Riva (sem partido) já foi notificado pela Câmara de Cuiabá para comparecer nesta quarta-feira (3) para prestar depoimento à CPI que investiga o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). Como colaborador da Justiça, o ex-parlamentar deve comparecer à Comissão. A defesa do ex-deputado diz ele que está impedido de falar sobre o caso. Por isso, pediu o adiamento da oitiva.

 

Caso a petição não seja acatada, nada impede que o ex-deputado exerça seu direito de permanecer em silêncio, mas não pode deixar de comparecer, sem o adiamento, o ex-parlamentar disse que vai permanecer em silêncio.  

 

Riva foi presidente da Assembleia Legislativa por um longo período e em sua delação premiada envolveu 38 deputados e ex-deputados que teriam recebido propina para eleição da Mesa Diretora da Casa e também para garantir "governabilidade" aos comandantes do Palácio Paiaguás.

 

Leia também - 'Mauro tenta viabilizar candidato inexistente'

 

A CPI acontece justamente porque Emanuel foi gravado recebendo dinheiro e colocando em seu paletó. Em delação premiada, o ex-governador Silval Barbosa (sem partido) disse que o dinheiro era fruto de propina. Confirmou a versão em depoimento à CPI e o mesmo relato foi confirmado pelo ex-chefe de gabinete de Silval, Silvio Côrrea. 

 

Emanuel nega e diz que o dinheiro que recebeu foi para pagar despesas com pequisas eleitorais encomendadas com o instituto de pesquisa de seu irmão, Marco Polo Pinheiro.

 

O irmão do prefeito chegou a ser convocado, mas não compareceu à CPI.  

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Governo federal está liberando R$ 1.045 do FGTS por trabalhador para movimentar a economia. O que você fará com o benefício?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 10/07/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,80 -0,46%

Algodão R$ 119,38 -0,23%

Boi a Vista R$ 131,25 -0,46%

Soja Disponível R$ 67,30 0,30%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.