Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 30/11/2020

Política de MT - A | + A

evitar tragédias 26.09.2020 | 16h48

Taques cita morte de Isabele Ramos para ponderar porte de arma

Facebook Print google plus

Otmar de Oliveira

Otmar de Oliveira

Favorável ao porte de armas para autodefesa, o ex-governador e atual candidato ao Senado, Pedro Taques (Solidariedade), reconhece que, apesar de a legislação amparar o porte, é necessárias regras de concessão para evitar que tragédias, como a que vitimou Isabele Ramos, 14, em Cuiabá, não voltem a acontecer.

 

Questionado por um seguidor em sua rede social, Taques afirmou que o direito à autodefesa está claro na legislação federal. Mas, ressaltou a importância de regras que viabilizam o porte, evitando assim que ‘outras famílias não sejam destruídas por uma fatalidade’.

 

Leia também - Reinaldo, "Rei do Porco" é o mais rico com R$ 158 milhões e Taques fica 64% mais pobre

 

“Eu defendo o direito constitucional que o cidadão tem de se defender, mas é preciso regras para que essa concessão seja dada a quem tem condição mental de portar uma arma de fogo. Dessa forma, será possível evitar desastre como o 'caso Isabele', que aconteceu em Cuiabá e chocou a sociedade".

 

Ele contou ainda aos seus seguidores que não tem arma e considera não ter ‘capacidade e qualificação’ para usá-las. “Só quem tem cursos e cumprem os requisitos possuem esse direito constitucional”, ponderou o ex-governador, que também é advogado.

 

Vale ressaltar que, na casa do empresário Marcelo Cestari, onde Isabele foi morta com um tiro no rosto pela filha dele, uma menina de 14 anos, todos eram praticantes de tiro esportivo, conheciam as regas e estavam aptos para usar as armas dentro do espaço reservado ao esporte.

 

Polícia Civil indiciou a menina por ato infracional análogo ao crime de homicídio. Ela foi denúnciada pelo Ministério Público Estadual (MPE), que foi internada no Menina Moça e ficou menos de 12h, até ser liberada pela Justiça. 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

José Augusto sombra verissimo - 27/09/2020

Por mim vc será banido da política, péssimo governador sempre votei em vc as partir de agora , vc não terá mas meu voto,

1 comentários

1 de 1

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 30/11/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,50 -0,81%

Algodão R$ 126,42 0,73%

Boi à vista R$ 252,95 0,03%

Soja Disponível R$ 160,00 0,63%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.