Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 21/10/2019

Política de MT - A | + A

EFEITO DELAÇÃO 08.10.2019 | 14h40

Vereador pede que José Riva seja ouvido em CPI

Facebook Print google plus

Ednei Rosa

Ednei Rosa

O vereador Diego Guimarães (Progressista) quer que o ex-deputado José Riva (sem partido) seja interrogado da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB). O requerimento foi encaminhado ao presidente da Comissão, Marcelo Bussiki (PSB), na segunda-feira (7) e aguarda avaliação.

 

Leia também - Gilmar Fabris e Luciane Bezerra recebiam tratamento diferenciado, diz Riva

 

Desde o fim de semana, começaram a circular informações do pedido de delação premiada de Riva ao Ministério Público Estadual (MPE). Entre as revelações condidas no documento, estão listas e valores de propina pagos a deputados de Mato Grosso, desde a gestão do ex-governador Dante de Oliveira. O valor seria para garantir a “governabilidade”.

 

O prefeito e, na época deputado, Emanuel Pinheiro é citado entre os que receberam os valores irregulares. Ele também foi filmado enchendo os bolsos do paletó com maços de dinheiro entregues pelo ex-chefe de gabinete de Silval, Silvio Cesar Correa. A filmagem deu origem à CPI do Paletó, reaberta recentemente por decisão judicial. 

 

“É mais um caso de delator que confidencia o recebimento de propina por Emanuel Pinheiro. Isso é grave. Foi Silval, foi Silvio e agora Riva. É importante lembrar que, quando do recebimento da propina, o José Riva estava na Mesa Diretora”, afirmou o parlamentar.

 

 

Guimarães ressaltou que o presidente da Comissão, Marcelo Bussiki, já demonstrou interesse no interrogatório de Riva e aguarda posicionamento dos demais membros da CPI.

 

“Não tenho dúvida que ele possa trazer informações relevantes para esclarecer a origem daquele dinheiro. E porque o Emanuel Pinheiro estava ali, recebendo aquele dinheiro e colocando em seu paletó”, ressalta.

 

O vereador ressalta que a delação de Riva “Foi notícia em Cuiabá e não podemos fingir que nada aconteceu. Temos que investigar”.

 

Ainda não há decisão sobre a convocação e nem data para que Riva seja ouvido na Casa de Leis do Município.
A CPI tinha sido arquivada, mas foi reaberta por determinação judicial, na semana passada.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre a educação domiciliar?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 21/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,05 0,22%

Algodão R$ 93,44 0,46%

Boi a Vista R$ 131,00 0,28%

Soja Disponível R$ 64,95 0,31%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.