Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 24/01/2020

Política Nacional - A | + A

ideologia de gênero 13.09.2019 | 14h35

Doria diz que irá devolver apostila recolhida, mas com encarte

Facebook Print google plus

Valter Campanato/ABr

Valter Campanato/ABr

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta sexta-feira (13) que irá devolver as apostilas aos alunos da rede estadual, como determinado pelo Tribunal de Justiça, mas com um encarte explicativo. O material foi recolhido por conter "apologia à ideologia de gênero".

 

Leia também - Bolsonaro seguirá afastado da Presidência por mais 4 dias

 

Doria ordenou, no dia 3, retirar uma apostila de alunos do 8° ano da rede estadual que trata sobre ideologia de gênero. “Fomos alertados de um erro inaceitável no material escolar. Solicitei ao secretário de Educação o imediato recolhimento do material e apuração dos responsáveis”, escreveu Doria em sua conta no Twitter.

 

O governador não cita qual é o texto, mas trata-se de um fragmento da apostila de Ciências do São Paulo Faz Escola, programa responsável pela implantação do Currículo Oficial do Estado, formatado em documentos que constituem orientações para o trabalho do professor em sala de aula e visa garantir base comum de conhecimento e competência.

 

Um grupo de professores de universidades públicas paulistas ingressou na Justiça na terça-feira (10), com uma ação popular para anular o ato de Doria. No mesmo dia, o Tribunal de Justiça de São Paulo acatou a ação e determinou que as apostilas recolhidas pelo governo do estado fossem devolvidas aos alunos em um prazo de 48 horas.

 

Nesta sexta, Doria informou que foi feito um entendimento com o Tribunal de Justiça, Defensoria Pública e Ministério Público de devolver o material. “O entendimento nosso é de que a cartilha, em um capítulo específico, fere o Currículo Paulista. No restante, a cartilha está perfeita e pode voltar a ser distribuída e como será, de fato”, comentou.

 

Em seguida, o governador esclareceu que não apelou à decisão, embora fosse direito, uma vez que a decisão tinha caráter liminar. “Preferimos o diálogo, e o diálogo foi construtivo para que as cartilhas pudessem ser recolocadas nas escolas com um encarte. Com isso, teremos a correção efetiva daquele capítulo”, disse.

 

Por sua vez, Rossieli Soares, secretário estadual de Educação, disse que o material será devolvido até a semana que vem e que o prazo não procede.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

Enquete

Toparia se desconectar do mundo digital por uma semana?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 24/01/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,25 1,97%

Algodão R$ 92,53 -0,04%

Boi a Vista R$ 127,33 -0,24%

Soja Disponível R$ 64,15 -0,23%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.