Gazeta Digital

Gilmar Mendes nega crimes ambientais, mas é alvo de 5 ações

Marcelo Camargo/ABr

Marcelo Camargo/ABr

A determinação do juiz André Luciano Costa Gahyva, da 1ª Vara Cível de Diamantino (208 km a médio-norte de Cuiabá), para produção de prova pericial visando saber sobre possíveis danos ambientais causados em área rural do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, é apenas mais um passo da Justiça em Mato Grosso.  

 

Além do processo alvo da decisão, o jurista é acionado em outros 4 casos semelhantes. As acusações por crimes ambientais começaram em 2017. Também há processos datados de 2018. Todos os casos, porém, ainda estão em fase inicial de instrução.

 

Gilmar Mendes nega ter cometido os crimes.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br