Gazeta Digital

Em vídeo, deputada federal se defende de críticas após operação da polícia na Seduc

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

A deputada federal Rosa Neide (PT) divulgou um vídeo em sua redes sociais nesta terça-feira (20) onde se defende das críticas e acusações recebidas após ter sua casa vasculhada pela Polícia Civil durante a Operação Fake Delivery, que investiga desvio de recursos na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em 2014. No vídeo, ela afirma que vai continuar na luta.

 

Com pouco mais de dois minutos de duração, Rosa Neide afirma no vídeo que teve a “vida pessoal invadida e agredida” e que, apesar da vida do gestor público ser pública, “a vida pessoal deve ser preservada e respeitada”.

 

A parlamentar também afirma que a ação da Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Administração Pública (Defaz) expôs as filhas e “o restante da família, a uma situação sem nenhuma necessidade”, sendo que ela não negou o fornecimento de informações.

 

Leia também - Polícia cumpre mandados na casa da deputada Rosa Neide

 

Ela afirma que apesar da situação difícil, recebeu muito apoio e mensagens de pessoas que acreditam no trabalho realizado pela parlamentar. “Continuarei do lado daqueles que mais precisam. Continuarei votando aqui na Câmara do lado dos trabalhadores. Se isso incomoda alguém, paciência. Continuarei na luta e junto com todos vocês”, finalizou.

 

Confira o vídeo na íntegra


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br