Gazeta Digital

Jayme Campos se posiciona contra taxação da energia solar

João Vieira

João Vieira

O senador Jayme Campos (DEM) afirmou que é contra a taxação da energia solar, posicionamento que, segundo ele, é o da maioria dos senadores. Campos também conversou com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), para tomar medidas que evitem a taxação de quem produz energia solar.

 

"Já solicitei a minha assessoria que elabore um projeto de Lei, resguardando as obrigações legais, para isentar aqueles que produzem energia solar para consumo próprio”, informou o parlamentar.

 

Leia também - Deputado acusa governador de não dialogar com entidades

 

O democrata argumentou sobre as declarações do presidente Jair Bolsonaro (PSL), de que o governo não tem interesse em cobrar impostos e taxar a energia solar.

 

“Temos exemplos como da Alemanha que fechou centenas de minas de carvão que é altamente poluente para o meio ambiente e nociva para as pessoas, portanto, a energia solar em um país de dimensões continentais como o Brasil seria fundamental”, enfatizou Campos.

 

Ele ainda lembrou o exemplo da China, que é líder mundial em produção de energia limpa. Assim como os Estados Unidos, onde 28 dos 50 estados investem de forma maciça em energia solar.

 

“Está errado o Brasil achar que a Petrobras, com o atual modelo energético assegura nossa segurança energética e econômica. Se não existissem outros matrizes energéticas, com certeza os combustíveis fosseis seriam essenciais, mas como se tem outras energias como a solar não se justifica taxar o cobrar mais impostos”, disse o senador lembrando que toda a energia solar produzida por particulares deveria estar isenta por completo diante de sua eficiência e resolutividade nos problemas. (Com informações da assessoria)


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br