Gazeta Digital

Secretário-adjunto de Saúde de Sinop morre após covid-19

Reprodução

Reprodução

O secretário-adjunto de Saúde de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá), Wircicley Fonseca, 45, faleceu no final da noite de sexta-feira (24), após ficar 23 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular do município. O secretário foi internado, a princípio, com suspeita de coronavírus.


No dia 2 de abril, a prefeita de Sinop, Rosana Martinelli (PL), confirmou durante uma live no Facebook que dois secretários de sua gestão foram diagnosticados com covid-19. Além de Wircicley, o secretário de Saúde Kristian Barros, 41, estava em isolamento domiciliar.


Ainda no começo do mês, o estado de saúde do secretário-adjunto estava estabilizado. Informações preliminares dão conta que ele acabou contraindo uma bactéria em seguida.


Familiares lamentam nas redes sociais a morte de Wircicley. “Nosso amigo Wirciley voltou a casa de nosso pai celestial, deixando uma linda passagem por esse mundo, pai dedicado, marido amoroso, homem trabalhador que só espalhava alegria por onde passava”, escreveu uma amiga.

 

A prefeita Rosanna Martinelli publicou em sua página no Facebook uma nota de falecimento. "Lamento esse momento fortemente. Perdemos um amigo verdadeiro, servidor do nosso município Sinop e que nos deixa um grande legado como profissional e amigo! Que Deus conforte os corações de todos que tiveram a oportunidade de conhecê-lo e se sua família", disse.


O secretário-adjunto deixa esposa e dois filhos.


(Mais informações em instantes)


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br