Gazeta Digital

Luisa Mell denuncia mulher por maus-tratos

Fotos de Reprodução/Instagram

Fotos de Reprodução/Instagram

Luisa Mell denunciou uma empresária de Londrina por maus-tratos contra os próprios animais de estimação. Em um vídeo divulgado nas redes sociais, a mulher faz o "desafio da farinha", brincadeira que viralizou nesta quarentena, com os dois cachorros.

 

Para quem não conhece o jogo, a dinâmica é a seguinte: uma pessoa faz perguntas (como, por exemplo, "quem dorme mais?") e, de acordo com a resposta, ela mergulha o rosto de um dos participantes em um travesseiro com farinha de trigo.

 

Leia também - MC Kevin fura isolamento social e é muito criticado

 

A ativista disse que "perdeu as contas" de quantas mensagens recebeu a alertando para o caso. Nas imagens, os animais aparecem assustados e sem entender o que está acontecendo. O desafio foi considerado crime de maus-tratos e Luisa entrou em contato com o delegado responsável, já que, por conta da pandemia de covid-19 não pode ir até a cidade.

 

"Esse desafio é extremamante perigoso! Animais podem ter asfixia e pneumonia aspirativa. E podem chegar a óbito! Estou no caso, estou trabalhando, isso não vai ficar assim. Covarde e criminosa", declarou Luisa, que afirmou que a mulher já foi identificada pela polícia local.


"A covarde que causou revolta hoje na internet é natural de São Paulo, mas atualmente mora em Londrina. É bem conhecida na cidade, pois é dona de uma academia de ginástica. Já foi realizada uma diligência, mas ela ainda não foi encontrada pela polícia."

 

A ativista aproveitou para ressaltar que o desafio também é perigoso para as pessoas: "Ao contrário do que parece, também não é uma brincadeira inocente para humanos: 'Certamente é ruim. Se a pessoa ainda tomar um susto e inspirar profundamente, pode aspirar farinha para os pulmões. O que pode gerar simples irritações e tosse, mas também, dependendo da quantidade e da sensibilidade da pessoa, pode causar broncoespasmo (como em uma crise de asma). Sem contar que podem haver bactérias e fungos na farinha que, se forem para nos pulmões, podem causar infecções', palavras do pneumologista que cuidou do meu marido! Ou seja, ninguém mais deve postar tal barbaridade. O que coloca saúde em risco não deve ser estimulado".


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br