Gazeta Digital

EUA destinam verba de R$ 17 mi para ajudar o Brasil no combate à covid-19

Alan Santos / PR

Alan Santos / PR

O governo dos EUA anunciou, nesta terça-feira (19) que irá repassar uma verba de cerca de US$ 3 milhões (mais de R$ 17 milhões) para ajudar na resposta do sistema público de saúde do Brasil à pandemia causada pelo novo coronavírus, que já deixou 271 mil casos confirmados e quase 18 mil mortos no país.

 

Segundo um comunicado da embaixada norte-americana em Brasília, o dinheiro será doado por meio do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês), órgão sanitário dos EUA, por meio de uma parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e o Ministério da Saúde.

 

Leia também - Organização Mundial da Saúde realiza 73º assembleia geral para investigar a China

 

Testes e serviços de emergência
Os recursos vão ser usados para aprimorar os testes e rastreio de casos de covid-19, identificação de áreas onde o coronavírus está sendo transmitido, no controle de surtos e coleta de dados para uma reabertura segura do Brasil. A verba se soma a US$ 950 mil (cerca de R$ 5,5 milhões) para apoio a populações vulneráveis, anunciados em 1º de maio.

 

Segundo a embaixada, o dinheiro vai fortalecer operações emergenciais, em apoio a 79 centros de operação de emergência pelo país, sendo um nacional, 27 estaduais, 26 nas capitais estaduais e 25 em cidades com mais de 500 mil habitantes, além de treinos para funcionários de resgate.

 

"Essa iniciativa ajudará diretamente a FioCruz e ao Ministério de Saúde nos seus esforços para mitigar o impacto da covid-19. Vamos continuar trabalhando juntos com Brasil para combater este pandemia”, disse o embaixador norte-americano em Brasília, Todd Chapman.

 

O CDC atua no Brasil desde 2000 e tem um escritório no país desde 2003.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br