Gazeta Digital

37ª vítima da covid-19 trabalhava na Marfrig e era diabética

MARCUS VAILLANT

MARCUS VAILLANT

(Atualizada às 17h04) A 37ª vítima de covid-19, em Mato Grosso, morava em Várzea Grande e trabalhava no frigorífico Marfrig, na cidade. A mulher, identificada como Maria Neta dos Santos, 38, tinha comorbidades que agravaram o quadro de saúde. Por meio de nota, a empresa confirma a morte da funcionária. 


Leia também -Prefeito sanciona auxílio de R$ 500 para autônomos; pagamento até 6 de junho

 

Conforme apurado pelo #GD, ela era obesa e sofria de diabetes e hipertensão. Ela ficou 2 dias internada no Hospital Metropolitano.


Essa semana, outro funcionário da empresa morreu após dias internado. A princípio ele estava com suspeita de covid-19, no entanto, a doença foi descartada e constatado que uma pneumonia o levou à morte.


A empresa tem 14 funcionários contaminados pelo novo coronavírus.


A Marfrig foi procurada, mas não encaminhou resposta.


Números de MT
O último boletim mostrou 1.187 casos confirmados da covid-19. Destes, 626 estão em isolamento domiciliar e 428 estão recuperados. Há ainda 99 pacientes hospitalizados, sendo 52 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 47 em enfermaria.

 

Nota de esclarecimento 

 

A Marfrig foi notificada que uma colaboradora que atuava no setor de desossa na unidade de Várzea Grande, no estado do Mato Grosso, veio a óbito em função do agravamento do seu quadro de saúde por conta do novo Coronavírus. A funcionária estava de férias desde o dia 4 de maio.

 

A empresa lamenta profundamente o fato e vem tomando todas as providências no sentido de auxiliar os familiares.

 


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br