Gazeta Digital

Medeiros ameaça denunciar youtuber Felipe Neto à PGR

João Vieira

João Vieira

Deputado federal e conhecido como 'cão de guarda' do clã Bolsonaro, José Medeiros (PODE) divulgou em uma de suas contas nas redes sociais, que denunciará o youtuber Felipe Neto sob acusação de 'incitação para atos violentos'. A declaração ocorreu no domingo (31), data onde ocorreram vários atos antifascistas e pela democracia nas cidades brasileiras.

 

Na postagem, o youtuber afirma para seus seguidores que não se pode dialogar com fascistas e que o lugar dessas pessoas é na cadeia. "Se a polícia se recusa a prender e quem está no poder defende o fascismo, é necessário fazer o que for preciso", diz trecho da postagem. Medeiros divulgou a declaração de Felipe Neto em sua conta e disse que iria solicitar à Procuradoria Geral da República (PGR), alegando que Neto infringiu a Lei de Segurança Nacional.

 

"Deputado bolsonarista diz que vai me denunciar na Procuradoria Geral da República por eu ter dito que não se dialoga com fascista. Prezado Deputado, não irei respondê-lo, pois acredito no que twittei", respondeu Felipe Neto em sua conta.

 

Leia também - PF investiga Selma por 'omissão' de R$ 1,5 mi

 

José Medeiros é um dos fiéis seguidores do clã Bolsonaro. Em sua conta no twitter ele responde várias postagem dos deputados da oposição, além de compartilhar toda e qualquer mensagem dos grupos de apoiadores do governo Bolsonaro.

 

Medeiros destoa da maior liderança do Podemos nacional, o senador Álvaro Dias (PODE), que fez várias postagem ontem exaltando as manifestações. Em uma das postagem, Dias afirmou que "a democracia nas ruas do Brasil".

 

Ele também criticou a marcha realizada pelos bolsonaristas no último sábado (30), quando cerca de 30 pessoas marcharam até o Supremo Tribunal Federal (STF), vestidos de preto e com tochas nas mãos, o que lembra as manifestações da  Ku Klux Klan, organização racista que tomou as ruas de várias cidades dos Estados Unidos no século passado. "Marcha da insensatez! Porque? Para onde? O Brasil quer marchar para o seu futuro com lucidez, competência, inteligência e equilíbrio", questionou Álvaro Dias.

 

Sobre esses atos, José Medeiros se silenciou.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br