Gazeta Digital

Prefeito não digere decisão que obrigada lockdown em Cuiabá

Assessoria

Assessoria

Primeiro o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) apresentou argumentos para evitar a quarentena total, justificativa não considerada, já que em seguida o juiz José Luiz Leite, da Vara Especializada da Saúde Pública de Mato Grosso, determinou medidas mais rígidas. 

 

Depois da decisão, o prefeito recorreu duas vezes e até o momento amarga duas derrotas. Emanuel argumenta, sempre, que as medidas que vinha adotando estava de acordo com as normas de segurança das autoridades em saúde para conter o vírus. 

 

O prefeito alerta sobretudo que a ocupação de leitos em Cuiabá se deve muito a pacientes do interior. Para o chefe do Executivo, as medidas em Cuiabá, por meio de decreto, estavam dentro do previsto.

 

O certo é que doença avançou e muito na última semana na Grande Cuiabá.  


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br