Gazeta Digital

Cuiabá estreia na série B nesta sexta-feira na Arena Pantanal

Foto da assessoria

Foto da assessoria

Com o Campeonato Mato-grossense paralisado desde 15 de março, o Cuiabá Esporte Clube retorna aos gramados nesta sexta-feira (7) contra o Brasil de Pelotas (RS) na Arena Pantanal em uma partida válida pela série B do Campeonato Brasileiro.

 

O local do jogo de estréia era uma indefinição até semana passada, quando o clube conseguiu o aval da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para realizar seus jogos na Arena Pantanal, já que o estádio está sendo usado como centro de triagem para pacientes com suspeita do novo coronavírus.

 

Leia também - Jogadores do Grêmio provocam Inter; 'perderam de novo'

 

O vice-presidente do Cuiabá, Cristiano Dresch, comemorou a decisão da CBF. "É excelente para o clube, a Arena Pantanal é a casa do Cuiabá, é o estádio que o Cuiabá ta acostumado, é o estádio levantou vários títulos".

 

Também frisou o fato do clube não ter que se deslocar a outra cidade para realizar seus compromissos. "Evita que a gente tenha que estar se deslocando para outra cidade e jogue em um gramado onde tem mais intimidade e que conhece melhor. É uma ótima notícia, estamos muito felizes, muito satisfeitos de ter recebido essa confirmação da CBF".

 

Chegou a ser cogitado que o jogo poderia ser disputado em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), no estádio Luthero Lopes. Faltando um pouco mais de uma semana para o inicio da competição, o Dourado conseguiu reverter a situação, fazendo um apelo à entidade máxima do futebol brasileiro.  

 

A confirmação da sede do jogo veio após o governo do Estado atender todas as recomendações da CBF. Nos dias que acontecerem os jogos, o centro de triagem será desativado, bem como o estádio será desinfectado. Com medidas restritivas de contenção e combate ao coronavírus, como o isolamento social, os jogos serão realizados sem a presença do público.

 

Os comandados de Marcelo Chamusca treinaram na Arena Pantanal na quarta-feira (5), com o intuito de reconhecer o gramado e ter uma moldura do time titular para a estréia do campeonato Nacional.

 

Chamusca contou a importância da equipe realizar o reconhecimento do gramado como readaptação. "A maioria dos atletas já conhecem o gramado, já jogaram aqui, mas novos atletas chegaram ao clube e vão conhecer os vestiários, o gramado, e tudo isso é importante pra nós nessa readaptação pra nossa retomada”.

 

O clube que carrega o nome da capital mato-grossense é o único representante do estado na competição. Fundado em 2001 pelo ex-jogador Gaúcho, o clube tem em seu curto histórico títulos como o Campeonato Mato-grossense de 2013 e 2014, além de ser o primeiro time de Mato Grosso a vencer a Copa Verde de Futebol, em 2015.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br