Gazeta Digital

Desempregados chegam a 10,2% das pessoas com mais de 14 anos em MT

Chico Ferreira

Chico Ferreira

Dados do IBGE mostram que entre as pessoas com 14 anos ou mais em Mato Grosso o desemprego atingiu 10,2% em junho. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) do segundo trimestre de 2020 mostra um aumento de 1,9% em relação ao mesmo período em 2019.

 

Mato Grosso é o estado com a 5ª menor taxa de desemprego no país, atrás de Santa Catarina (6,9%), Pará (9,1%), Rio Grande do Sul (9,4%) e Paraná (9,6%). Já o estado com a maior taxa de desocupação foi a Bahia, com 19,9% da população economicamente ativa sem emprego formal.

 

Leia também - Número de devedores ultrapassa 1 milhão em Mato Grosso

 

Nas demissões, houve uma redução de 64 mil postos de trabalho no setor privado entre o primeiro e o segundo trimestre de 2020, sem contar com os trabalhadores domésticos. Estes perderam 14 mil postos de trabalho entre abril e junho.

 

Em relação ao salário médio dos trabalhadores em Mato Grosso, o valor permaneceu estável do primeiro para o segundo trimestre, de R$ 2.320 para R$ 2.395.

 

A PNAD Contínua mostrou ainda que 64 mil pessoas no estado estavam subocupadas, ou seja, trabalhavam menos horas do que tinham capacidade por falta de oferta de emprego. No segundo trimestre de 2020, foram registrados 30 desalentados, que são as pessoas que desistiram de procurar trabalho após muito tempo de desemprego.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br