Gazeta Digital

Servente desaparecido é achado morto no Lago do Manso

Reprodução

Reprodução

Luiz Fernandes dos Santos, 40, foi encontrado morto do Lago do Manso. A família estava à sua procura depois de 16 dias sem contato. Após o início das investigações foi constatado que um homem achado sem vida boiando no lago era Luiz. O reconhecimento foi feito pelo irmão, no sábado (5).


Leia também - Trabalhador é encontrado morto em serralheria de VG

 

A vítima era servente de pedreiro e foi contratado para trabalhar em um condomínio na região do Lago. Depois o trabalhador não entrou mais em contato com a família.


Depois de 16 dias de desaparecimento, a família comunicou a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que passou a investigar o caso.


Paralelo a isso, o irmão Claudio Roberto Moura começou a fazer buscas e conversou com colegas do desaparecido, que apresentaram versões diferentes sobre o paradeiro de Luiz Fernandes.


O boletim de ocorrências foi registrado no dia 4 de agosto e, na data seguinte, o irmão foi chamado pela polícia para fazer o reconhecimento do corpo de um homem que havia sido achado no Lago do Manso, no dia 19 de agosto.


O corpo tinha uma tatuagem do rosto de uma índia compatível com a que Luiz Fernandes também carregava. Por meio de exame de digitais foi confirmada a identidade.


O corpo foi enterrado na segunda-feira (7). O laudo com as causas da morte não foi divulgado. A vítima estava sem roupas e não apresentava sinais de violência.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br