Gazeta Digital

José Medeiros acusa Fávaro e Mendes por incêndios em MT

Luis Macedo/Câmara dos Deputados

Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O deputado federal José Medeiros (Pode) desferiu ataques ao senador interino Carlos Fávaro (PSD). Segundo o parlamentar, a culpa dos incêndios no Pantanal é dele e da gestão do governador Mauro Mendes (DEM).


De acordo com relato de Medeiros enviado por áudio por mei de aplicativo de mensagem, Fávaro está mentindo quando disse que conversou com o presidente Jair Bolsonaro sobre as queimadas em Mato Grosso.


"Ta mentindo na cara de pau, essa história do incêndio no Pantanal. O Fávaro devia ter vergonha porque eles são culpados, ele e o governador são culpados pelo incêndio. Assim que começou o incêndio, o governador mandou 14 bombeiros, sem água pra beber", acusou.

 

Leia também - 'Mauro demonstra 'postura de total insanidade', rebate Emanuel'


O deputado disse que sentou com o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e pediu para que fizesse algo pelo estado. "Fui ao ministro Ricardo Salles e ele falou que iria transferir o dinheiro para abastecer os aviões e os helicópteros da Marinha, Exército e Ibama, mas quem tem esse dinheiro é o ICMBio, mas demoraria 4 dias. Falou que ia ver com o governo do Estado enquanto fazia esse aporte, mas não fez nada", criticou.


"Veio do governo federal 10 milhões para ajudar, mas o governo do Estado é totalmente responsável por isso. O governo do senhor Fávaro! Ele que é ligado ao governador, não mandou uma 'bulhufa' de emenda paro município, só pro Estado, e agora vem dizer que falou com o presidente Bolsonaro sobre incêndio no Pantanal. É muita cara de Pau!", continuou Medeiros o desabado em quase 5 minutos de áudio. 


E finalizou dizendo que o pior tipo pessoa é a que mente. "Agora vem sugerir aeronave agrícolas para o combate de incêndio. Toma vergonha na cara senador, seu governo é que não quis! As aeronaves estão disponíveis há um mês e se tivesse autorizado Mato Grosso não estava desse jeito, o pior tipo de gente é gente mentirosa".

 

Outro lado 

 

O senador interino Carlos Fávaro preferiu não se manifestar perante os ataques desferidos pelo desputado federal José Medeiros. 

 

Entretanto, o secretário-geral do PP, Euzébio Diniz, partido aliado enviou nota: 

 

"É lamentável que Medeiros desça a este nível. Já atacou a atriz Fernanda Montenegro, já atacou mulheres em diversas situações e agora decide assumir o picadeiro. Porque atribuir a Fávaro a responsabilidade pelas queimadas não é se candidatar ao Senado, mas sim a palhaço de circo. Com todo o respeito que os palhaços merecem. Mas não dá para se esperar muito de quem precisou fraudar uma ata para chegar ao Senado. Secretário-Geral do PP, Euzébio Diniz".


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br