Gazeta Digital

Polícia reage e mata suspeitos armados durante fuga em VG

Reprodução

Reprodução

Dois homens morreram baleados na noite de segunda-feira (21), durante perseguição com a Polícia Militar, na região do Formigueiro, em Várzea Grande. Suspeitos fugiram da abordagem e, quando alcançados, reagiram usando armas de fogo. Um dos mortos, identificado como Yan Marlon de Oliveira, 26, já tem várias passagens criminais. O outro ainda não foi identificado.

 

De acordo com as informações da PM, por volta das 20h40, viatura fazia rondas na entrada do bairro São Benedito, quando flagrou um veículo Renault Clio, branco, em ação suspeita.

 

Leia também - Jovem morre após ser baleado na cabeça por dupla em moto

 

Na tentativa de abordagem, os ocupantes fugiram com o veículo em alta velocidade, chegando até a zona rural da cidade. Policiais perceberam que o carro diminuiu a velocidade e, de repente, pararam.

 

Momento em que dois ocupantes saíram do carro, com armas em punho apontando para a viatura. Eles não obedeceram a ordem para soltar as armas e continuaram apontando aos policiais, que acabaram atirando na dupla.

 

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando a equipe médica chegou, constatou a morte da dupla. O local foi isolado e a Perícia Oficial e Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foram acionadas.

 

Com os suspeitos, policiais apreenderam duas armas de fogo calibre 38 e 12 munições. Um dos suspeitos fazia o uso de tornozeleira eletrônica, porém, o equipamento estava desligado. Ele não foi identificado até o final do registro da ocorrência.

 

Conforme os policiais, em busca pelo sistema, constatou que Yan tinha 23 boletins de ocorrência contra ele pelos crimes de ameaça, lesão corporal, roubos, receptação e até homicídio.

 

Mais envolvidos

Durante a abordagem, apenas dois suspeitos saíram do carro. Polícia acreditava que eles estavam sozinhos. Mas, acabaram surpreendidos quando o veículo foi ligado e saiu em alta velocidade pela estrada.

 

Agora, polícia tenta identificar o carro, bem como o outro suspeito que estava no local. O caso foi registrado na Central de Flagrantes.


Fonte: Gazeta Digital

Visite o website: https://www.gazetadigital.com.br