Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 19/11/2019

Celebridades - A | + A

A Fazenda 11 07.11.2019 | 10h44

Marcos Mion repudia comentário racista contra Sabrina e diz 'Desumano'

Facebook Print google plus

Divulgação

Divulgação

Marcos Mion se pronunciou sobre o comentário racista feito contra Sabrina Paiva em A Fazenda 11. O apresentador do reality show disse que estava esperando a Record TV se pronunciar para poder falar sobre o assunto também.

 

Leia também - Mauro Mendes reúne secretariado para fazer balanço de 10 meses de governo

 

Mion disse que ficou envergonhado com a atitude do operador de câmera e classificou o caso como "desumano".

 

"Eu vi o vídeo, o cara falou nos bastidores tão alto que vazou no microfone dos participantes. Eu fui embora com raiva, senti uma vergonha. Foi um caso.... Lamentável não é nem a palavra... Hoje em dia, em 2019, é mais do que lamentável. É triste, é desumano, é crime", declarou em vídeo publicado nas redes sociais.

 

O apresentador também afirmou que está na torcida para que a peoa e a família tomem as medidas cabíveis.

"Torco para que a Sabrina leve isso adiante, tenha coragem. Já vi que a família dela aqui fora está preparada. Torço para que sigam adiante de fato, porque uma coisa dessas é inaceitável, não sei como uma pessoa consegue tratar outra assim."

 

No Twitter, Mion contou aos internautas que esteve na sede do reality, em Itapecerica da Serra, em São Paulo, para gravar uma explicação para os telespectadores sobre o triste ocorrido, bem como informar a posição da Record TV e as atitudes tomadas a respeito. O apresentador reforçou que" a obrigação da televisão é educar e informar, além de entreter".

"Que sirva pra mostrar para milhares de pessoas que sofrem racismo que é crime sim e que elas podem tomar atitudes legais a respeito", complementou.

 

Na noite de terça-feira (5), durante a transmissão de A Fazenda 11, ao vivo, um operador de câmera, posicionado atrás de um dos espelhos da sala, fez um comentário racista a respeito da peoa Sabrina Paiva.

 

Em comunicado, a Record TV declarou que imediatamente ao fim do programa, a produtora Teleimage (que presta serviços à emissora e é a contratante do operador de câmera), identificou o ofensor. Ele foi repreendido e teve seu contrato de trabalho rompido sumariamente. A Record TV também reforçou na nota que repudia veementemente esta atitude e qualquer tipo de preconceito.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O que você pretende fazer com o 13º salário?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 19/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,00 -0,99%

Algodão R$ 93,55 -1,51%

Boi a Vista R$ 138,00 0,00%

Soja Disponível R$ 64,70 -0,61%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.