Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 20/02/2020

Gastronomia - A | + A

30.01.2020 | 11h10

Drinques com personalidade

Facebook Print google plus

Rita Comini

Shimono Fotografia

Shimono Fotografia

A coquetelaria no Brasil atinge um patamar de igualdade com a gastronomia e as cartas de drinques, com ou sem álcool, ganham destaque nas casas mais sofisticadas do país. Cresce o número de profissionais especializados e o público aprecia cada vez mais degustar um bom drinque.

 

Destilados e bitters, vermutes, xaropes e infusões, muitos deles feitos nos próprios bares, além de ervas, frutas, legumes, especiarias e flores.

 

Contar histórias através de ingredientes de diferentes regiões e transformá-las em drinques originais ou clássicos é o que move bartenders, na busca de elevar a coquetelaria ao seu merecido lugar de destaque.

Shimono Fotografia

Alan Konell

Alan Konell, mixologista da Shakers, atua no ramo desde 2001

 

De meros coadjuvantes, coquetéis passam a ser protagonistas em bares do mundo inteiro. Não é diferente no Botanique Hotel, localizado na Serra da Mantiqueira, em Campos do Jordão. O local acaba de lançar sua nova carta de drinques com clássicos e autorais, muitos deles utilizando insumos colhidos das 350 caixas de hortas ao redor da propriedade.

 

A idealizadora do hotel, Fernanda Ralston Semler, diz que a carta de drinques é baseada em ingredientes colhidos no dia. Segundo ela, a Mixologia é a 12ª curadoria do hotel, que recebeu outras tantas nos quesitos Amenities, Águas, Arte, Design, Gastronomia e Música, apenas citando algumas. “Contamos com a expertise da Shakers, que traduziu o conceito pós-luxo que ancora todo o hotel, e que portanto também deveria estar presente em nossos coquetéis”, completa.

 

Shimono Fotografia

Drink G&T

Drinque G&T Botanique com lavanda colhida na hora

Literalmente “do campo para as taças”, os novos drinques ganham frescor e perfume como o Rosato Mio, que leva Ramazzotti, espumante e manjericão roxo da horta, ou o G&T Botanique, com lavanda colhida na hora, ou a Cachaça Julep, com hortelã da horta e xarope de açúcar, e o Expresso Martini, que leva vodca, licor de café, xarope artesanal de açúcar, grãos de café e café expresso, do blend exclusivo criado para o hotel. Cachaças, por sua vez, ocupam lugar de destaque no bar do hotel, onde hóspedes ou visitantes encontram rótulos brasileiros dos mais seletos, e que perfumam drinks como a Cachaça Sour, com suco de limão fresco siciliano, xarope artesanal de açúcar, e clara de ovo pasteurizada desidratada. É também com twist de limão siciliano da horta o French 75, com espumante, xarope artesanal de açúcar e gin.

 

Como já era de se esperar, o gin, continua exercendo sua soberania entre as bebidas da vez, e está presente na carta em receitas como o Cucumber Gimlet, com Gin, suco de limão Tahiti, pepino, xarope artesanal de açúcar e lâmina de pepino. Ou no GT&Harmonizações, que usa um buquê de especiarias como zimbro, manga desidratada, pimenta rosa, limão siciliano, limão tahiti, lavanda e alecrim; no Tea&Tonic, com chá de frutas vermelhas; e no Gin&Tonic, que convida o hóspede a montar sua bebida a gosto, escolhendo os botânicos de uma caixa de especiarias a seu dispor.

 

A carta inclui ainda o Whisky Collins, à base de Bourbon, suco de limão siciliano, angostura, xarope de açúcar 1/2 lua de laranja Bahia, cereja amarena e club soda, e o Amaretto Sour, com licor de Amaretto, Bourbon, suco de limão siciliano, xarope artesanal de açúcar, e clara de ovo pasteurizada desidratada.

Shimono Fotografia

Cachaça Julep

Cachaça Julep, com hortelã da horta e xarope de açúcar

 

Alguns drinks sem álcool como o Leite de Amêndoas e o Chá de Hibisco também estão disponíveis, ao lado de clássicos que foram mantidos da carta anterior como Bloody Mary, Cosmopolitan, Dry Martini, Manhattan, Mojito, Negroni, Caipirinhas, Caipiroskas e Saqueirinhas de frutas e Aperol Spritz.

 

O mixologista Alan Konell, 35 anos, foi o responsável pela criação da nova carta de drinques do Botanique. Ele atua no ramo de alimentos e bebidas desde 2001. É biersommelier e cervejeiro profissional.

 

Professor graduado, também ministra cursos, aulas personalizadas, palestras e workshops. Conquistou vários prêmios nacionais e internacionais, sendo reconhecido em vários países. Já participou de programas de televisão (Rede Record, TV Cultura, Record News, entre outros) e em matérias de revistas e sites (Kaza Festas, Iate Chef, Nova, Festa Viva, Gosto, Espn Spring, entre outros).

 

Campeão Brasileiro de Coquetelaria Freestyle, com o melhor coquetel da competição. Em 2011 representou o Brasil no World Cocktail Competition (60º IBA Meeting) em Varsóvia na Polônia nessa modalidade.

 

Formado em Coquetelaria Internacional pela IBA (International Bartenders Association) e membro da mesma, além de outras especializações de âmbito nacional e internacional. Entre elas, especializou-se em Mixologia Molecular na Argentina.

 

Realizou o curso de Spirits & Mixology nos Estados Unidos, ministrado por Dale Degroff (consagrado mixologista) e equipe. Já na Polônia participou de Master Classes aplicadas por renomados mixologistas franceses.

Shimono Fotografia

Expresso Martini

Expresso MArtini leva vodca, licor de café, xarope de açúcar, grãos de café e café expresso

 

É o mixologista da empresa Shakers, do casal Eliana Tomaselli e João Ronaldo Lopes Sarto. A empresa nasceu dos encontros de seu marido João em 1997, quando ele organizava “esquentas” com outros dois amigos antes das baladas e preparavam drinques variados, sem imaginar que aquilo iria virar um negócio. O pai de um deles viu a oportunidade e estimulou os meninos a alugarem uma sala. Foi aí que nasceu a primeira empresa brasileira de bar inscrita na junta comercial e que hoje atua em diversos segmentos. Eliana aponta como a grande vantagem da Shakers criar propostas únicas e customizadas para cada empresa, sem jamais repetir um único projeto. Hoje ela comanda a empresa com o marido, depois de terem comprado a parte dos outros dois sócios.

 

Ela destaca que o gosto do consumidor está se refinando e a coquetelaria está acompanhando esta mudança oferecendo drinques cada vez mais inusitados e cheios de criatividade. “A tendência é usar muitos ingredientes típicos das regiões”, diz.

Segundo ela, os chás não alcóolicos vêm com tudo em 2020, dentro dessa perspectiva de uma vida saudável, mais evidente junto ao público jovem, mas o encanto etílico continuará em alta, com a informação do ingresso de pelo menos 400 milhões de novos consumidores de destilados, segundo o relatório “World Class: Future of Cocktails”.

 

“A coquetelaria no Brasil já está bem alinhada com a tendência mundial, embora as dificuldades de acesso a bebidas que ainda não são importadas atrapalhem um pouco. Só ano passado, por exemplo, é que chegou ao mercado o Ramazzotti, bebida que data de 1815, o Lillet, produzido em Bordeaux desde 1872, e o St. Germain Spritz, que são bases importantes na criação de bons coquetéis”, comenta. 

 

Tendências para 2020

- Destilados Botânicos (não precisam necessariamente ter zimbro na composição)
- Coquetéis sem álcool, pouco alcóolicos e veganos
- Coquetéis retrô (repaginando clássicos)
- Bebidas maturadas em barris de madeira
- Highball
- Ingredientes Regionais
- Bebidas amargas continuarão tendo cada vez mais aceitação
- Sustentabilidade observada em práticas em bares e junto à produtores de bebidas
- Mixers e outras bebidas diretamente servidas das torneiras de bares (Com assessoria)

 

Leia mais notícias sobre Variedades na edição do Jornal A Gazeta

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Como você aproveita os dias de Carnaval?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 20/02/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,80 0,24%

Algodão R$ 92,29 -0,64%

Boi a Vista R$ 134,00 0,00%

Soja Disponível R$ 67,70 -0,73%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.