Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 21/02/2020

Variedades - A | + A

Censura popular 11.12.2019 | 16h11

Abaixo-assinado pede veto de especial do Porta dos Fundos

Facebook Print google plus

Reprodução/R7

Reprodução/R7

Um abaixo-assinado foi criado nesta quarta-feira (11) com o intuito de vetar o especial de Natal produzido pelo grupo humorístico Porta dos Fundos e exibido na Netflix.

 

Leia também - Número de animais abandonados pela família cresce durante as férias

 

Até o momento, a petição on-line já reuniu mais de 710 mil assinaturas.

 

Na descrição do documento, os responsáveis acusaram o conteúdo de "ofender gravemente os cristãos". Nos comentários, apoiadores também fizeram críticas à produção e alegaram "falta de respeito com a fé cristã e com Deus".

 

O especial Primeira Tentação de Cristo, protagonizado por Gregório Duvivier, faz uma sátira religiosa e tem como enredo o aniversário de 30 anos de Jesus Cristo. Na sinopse, o grupo humorístico esclarece que é "um especial de Natal tão errado que só podia ser do Porta dos Fundos".

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Como você aproveita os dias de Carnaval?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 21/02/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,10 2,43%

Algodão R$ 98,30 -0,36%

Boi a Vista R$ 136,67 -0,24%

Soja Disponível R$ 64,50 -0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.