Publicidade

Cuiabá, Domingo 20/09/2020

Variedades - A | + A

comemorações juninas 02.06.2020 | 16h24

Cantores perdem milhões de reais com cancelamento de festas no Nordeste

Facebook Print google plus

Reprodução/Instagram

Reprodução/Instagram

No calendário musical há três datas no ano para artistas faturarem alto: Carnaval, Festas Juninas e Festa do Peão de Barretos.

 

Eis que uma delas já naufragou com a pandemia do novo coronavírus.

 

Com a quarentena e as medidas de isolamento social, as as grandes festas juninas que agitam o Nordeste em junho e julho já foram canceladas. Sim, haverá lives, e versões virtuais dos eventos. Mas não os grandes festivais que reúnem milhões de pessoas em noites e mais noites de muita comida típica e shows grandiosos.

 

Leia também - Sucesso Mundial; Live 'Caneta Azul' bomba mais que Claudia Leitte e Paula Fernandes

 

São nessas festas juninas nordestinas, como as de Caruaru (PE) e Campina Grande (PB), que sertanejos e forrozeiros faturam alto. Juntas, as duas festas produzem mais de 25 mil empregos temporários, movimentam um público de mais de 5 milhões de pessoas só em junho, e fazem girar cerca de R$ 250 milhões.

 

Segundo fontes ligadas ao setor , muitos cantores perderam sua principal fonte de receita no ano com o cancelamento desses grande arraiais no Nordeste.

 

Um show de Solange Almeida, por exemplo, não sai por menos de R$ 200 mil. E ela já tinha mais de 15 shows agendados nas festas juninas deste ano.

 

Com um cachê de R$ 350 mil, Xand/Aviões do Forró já tinha cerca de 25 propostas de show para o período.

 

Gusttavo Lima perdeu mais de 40 shows no período, com cachês na casa dos R$ 700 mil cada. São R$ 28 milhões que não entrarão no cofre do embaixador.

 

Zé Neto e Cristiano (R$ 550 mil), também perdeu mais de 20 shows na região, seguido por Wesley Safadão (R$ 600 mil), que também era nome garantido nessas festas.

 

Marília Medonça e Simone e Simaria também perderam mais de 15 shows nessa temporada de Festas Juninas.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Onze candidatos disputam o Senado, você acha que o número amplia o leque de propostas ou mostra a desunião da classe política?

Parcial

Edição digital

Domingo, 20/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,20 1,37%

Algodão R$ 91,94 -0,16%

Boi a Vista R$ 132,38 -0,11%

Soja Disponível R$ 69,30 -0,14%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.