Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 17/10/2019

Variedades - A | + A

tributo 11.09.2019 | 09h55

Forma de fazer ele presente, diz filho de Catra sobre tributo ao pai

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Um ano após a morte de Mr Catra, quatro dos 32 filhos do funkeiro se uniram para homenagear o pai e dar continuidade ao trabalho dele.

 

Fernandinho, Alandin, Kaliba e WL formam o quarteto "Filhos de Catra" e vão lançar a turnê "Tributo ao Papai" no final deste mês. Fernandinho detalha que a ideia do projeto surgiu antes mesmo da partida de Catra.

 

"Ele sempre incentivou a gente nessa questão de música. Ele sonhava com a continuidade do trabalho dele, por parte de nós, filhos. E essa homenagem vem principalmente da saudade que sentimos dele e da vontade que temos de mostrar para o mundo um pouco mais do Wagner. Porque todo mundo conhecia o Catra. Ele sempre foi um pai muito maneiro, carinhoso e dedicado. Merece todas as homenagens. E também é uma forma que encontramos de poder ajudar mais a nossa família."

 
 
 

O quarteto pretende rodar o país com a turnê com shows que vão ter cerca de uma hora de duração. No repertório, o público vai poder curtir os principais sucessos de Catra, além de músicas de cada um dos cantores, que têm carreira solo.

 

"Vamos usar a voz dele em alguns momentos dos shows com vídeos dele sincronizados com as músicas. O show vai ser o tempo todo de homenagem para ele", adianta Fernandinho. "Meu pai tinha muitas músicas inéditas que ele fazia e não estavam trabalhadas. E a gente vai apresentar isso também nos shows. A gente acho justo com os fãs deles mostrar tudo isso", completa.

 

A música de trabalho dos artistas é Fé em Deus e os irmãos vão cantar juntos a canção. Durante a apresentação, Fernandinho conta que uma imagem de Catra vai aparecer ao fundo, no telão: "Vai ser uma parada muito emocionante".

Para os filhos de Catra, o projeto é uma forma de fazer com que o pai esteja sempre presente. "Cantar as músicas dele, seguir os mesmos costumes que ele costumava seguir. Um cara maneiro, um cara sempre simpático, sempre de bem com a vida. Um cara bom com todo mundo. E cantando a música dele shows a fora... é assim que a gente consegue fazer ele presente", declara Fernandinho.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

O presidente Jair Bolsonaro deve sair do PSL?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 17/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,55 -0,22%

Algodão R$ 92,51 -0,31%

Boi a Vista R$ 135,55 -0,36%

Soja Disponível R$ 69,50 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.