Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 12/08/2020

Polícia - A | + A

na região do manso 01.07.2020 | 15h53

Criminosos mortos em confronto com Rotam são identificados

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Cleberson Rodrigues Marques Silva, 31, Cleber Neves Andrade, 31, José Carlos Fernandes Dumont, 25, e João Vitor Chaves, 19, são os mortos durante confronto com policiais da Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam), na tarde da última quinta-feira (30), na MT-251, no sentido ao Lago do Manso.


O nome dos mortos foi identificado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), nesta tarde de quarta-feira (1). Pela manhã, o conseguiu confirmar a identidade de um deles, Cleberson Rodrigo Marques e Silva.


Ele foi preso em 2011, após ter assassinado duas travestis com requintes de crueldade. O corpo da primeira vítima, Alisson Otávio Carvalho da Cruz, 19, foi encontrado no dia 28 de maio de 2011, dentro de um córrego, localizado na ponte de divisa do bairro Três Lagoas com o Vila Rosa, em Cuiabá, asfixiado com uma corda.

 

Leia também - Criminosos mortos pela PM no Manso tinham várias passagens criminais


Dez dias depois, Maildo dos Santos Silva, 33, foi assassinado nos mesmos requintes de crueldade. Seu corpo foi encontrado no bairro CPA III, fundos da Lagoa Encantada, no dia 08 de junho.


Fora os homicídios, Cleberson tinha passagens por posse e/ou porte ilegal de arma de fogo, danos à coisa alheia, corrupção de menores, associação criminosa, 3 homicídios e tráfico de entorpecentes.


Segundo a Polícia Militar, os outros comparsas também tinham extensa ficha criminal. O quinto suspeito, que foi baleado e encaminhado ao Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá ainda não foi identificado.


O caso
A quadrilha seguia pela MT-251, com sentido ao Lago do Manso, pois planejava um roubo na região. A polícia foi informada e interceptou os suspeitos no caminho. Houve troca de tiros e 4 morreram no local. O quinto suspeito segue hospitalizado.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Fabiano - 02/07/2020

O cara tem 3 homicídios e ainda assim esta solto nas ruas, enquanto isso tem gente sendo presa por suposto crime contra a democracia, Brasil vai entender!

1 comentários

1 de 1

Enquete

Toda a polêmica envolvendo a morte da adolescente é por dúvida se o tiro foi acidental?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 12/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,00 -0,45%

Algodão R$ 92,29 0,12%

Boi a Vista R$ 135,67 0,00%

Soja Disponível R$ 62,90 -3,23%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.