Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 06/08/2020

Polícia - A | + A

FUGIU DO LOCAL 12.08.2019 | 07h51

Mulher de Sachetti bate em moto, fere 2 e mata criança

Facebook Print google plus

Reprodução/Montagem

Reprodução/Montagem

Lidiane Campos, esposa do ex-deputado federal Adilton Sachetti (PRB), bateu o veículo que conduzia em uma motocicleta, no cruzamento de uma rua de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá), ferindo um casal e matando uma criança de 3 anos. Ela fugiu do local do crime e mandou um advogado assegurar o socorro das vítimas.   

 

De acordo com as informações da Polícia Civil da cidade, por volta das 18h40 de domingo (11), Lidiane dirigia uma Toyota Hilux, prata, pela rua XV de Novembro, quando, quando no cruzamento com a avenida Tiradentes, colidiu com uma motocicleta com 3 ocupantes.

 

Testemunhas informaram que após a colisão, Lidiane seguiu até a rua Rosa Bororo, virou na contramão e fugiu.

 

Leia também - Mulher mata o marido com pauladas na cabeça em Mato Grosso

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para socorrer as vítimas, que foram encaminhas para o Hospital Regional e para a Unidade de Pronto-Atendimento.

 

Mas, conforme a polícia, uma criança de 3 anos que estava na moto não resistiu e morreu em seguida.

 

Polícia afirmou ainda que, em rondas, o veículo de Lidiane foi encontrado abandonado poucos metros após o acidente.

 

A Hilux está com a frente bastante danificada. A caminhonete está no nome do filho de Sachetti, Eduardo Linde Sachetti. 

 

Durante a ocorrência, advogado identificado com Wilson Lopes chegou para auxiliar as vítimas. 

 

O crime será investigado pela Polícia Civil de Rondonópolis, e ela poderá responder pelos crimes de fuga do local do acidente, homicídio doloso, omissão de socorro e danos materiais. 

 

Sachetti se casou no dia 22 de junho com Lidiane, que é empresária e digital influencer nas redes sociais. Ela é 30 anos mais jovem que o político.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Justino - 12/08/2019

NÃO QUERO JUSTIFICAR AQUI O ERRO GRAVÍSSIMO DA SRA QUE ATROPELOU, MATOU, FUGIU E ETC., DEVE SER PENALIZADA E LAMENTO PELA PERDA DA FAMÍLIA. MAS ISTO É APENAS UM ALERTA PARA O QUE VEMOS TODOS OS DIAS NAS NOSSAS RUAS E CADA VEZ MAIS EM SITUAÇÃO PIOR, SEJA VC MOTOCICLISTA OU NÃO ----------- TEXTO DO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO - Art. 244. Conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor: V - transportando criança menor de sete anos ou que não tenha, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança: Infração - gravíssima; Penalidade - multa e suspensão do direito de dirigir; Medida administrativa - Recolhimento do documento de habilitação. FICA A CONSCIENTIZAÇÃO. SEJAMOS JUSTOS!!!

1 comentários

1 de 1

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 06/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 18,60 0,00%

Algodão R$ 91,70 0,37%

Boi a Vista R$ 131,00 0,00%

Soja Disponível R$ 65,65 -0,30%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.