Publicidade

Cuiabá, Terça-feira 10/12/2019

Cidades - A | + A

Olhar atento 02.12.2019 | 07h45

‘Na consulta vi os hematomas’, conta médica sobre atendimento de vítimas de violência

Facebook Print google plus

Divulgação

Divulgação

Para uma vítima de violência, nem sempre é fácil falar sobre o assunto. Existe a vergonha, o medo da recriminação e, muitas vezes, a falta de reconhecimento de si mesma como vítima. Por isso, é necessária uma rede de apoio que ajude no diagnóstico desses casos, para que as vítimas possam denunciar. É o caso da médica Raquel Gomes de Oliveira, que trabalha na Unidade Básica de Saúde (UBS) em Sinop (500 km ao norte de Cuiabá) e que ajuda mulheres que em consultas de rotina possam demonstrar sinais de agressão.

 

“Ela veio para uma consulta de rotina e vi hematomas nela, então perguntei o que eram aqueles sinais e depois de muito choro ela me pediu segredo e disse que há muito tempo era agredida pelo marido”, lembra a médica sobre o atendimento de Maria*.

 

Leia também - Mulher é estuprada durante roubo em casa no Centro de VG

 

Mas esse olhar mais apurado só veio após a realização de um treinamento, para que os profissionais da saúde pudessem entender e diagnosticar também a violência doméstica. Em Sinop, a Prefeitura capacitou médicos, enfermeiros e agentes de saúde em setembro, não só para identificar os casos, mas também para saber como abordar e oferecer ajuda para essas mulheres.

 

Ainda na primeira consulta, Raquel ofereceu ajuda para Maria, porém, no primeiro momento, houve resistência. “Ela relatou toda sua história e ofereci ajuda, expliquei como funcionam todos os processos de suporte ofertados pelo município, então, ela voltou no outro dia e aceitou seguir minhas orientações. Ela denunciou o agressor e foi embora do município para morar com os pais em outra cidade”.

 

O caso de Maria teve um final feliz e motivou a médica no atendimento das vítimas de violência. “Eu gostei muito, me sinto gratificada em poder ajudar. Espero que ela esteja feliz hoje”.

 

Titular da Delegacia da Mulher de Sinop, o delegado Joacir Reis afirma que a capacitação dos profissionais de saúde para o atendimento dessas vítimas é necessário porque muitas mulheres procuram ajuda nas unidades de saúde.

 

“A função da Rede é ofertar a proteção integrada, onde todos os órgãos olhem para a violência doméstica e deem suas contribuições de maneira coordenada e organizada para o melhor atendimento das pessoas que necessitam deste apoio. É importante que os profissionais estejam atentos e com os olhos voltados à causa, indo além do atendimento médico”, enfatiza o delegado.

 

Denúncias
A denúncia de violência doméstica pode ser feita em qualquer delegacia, com o registro de um boletim de ocorrência, ou pela Central de Atendimento à Mulher ligando no número 180. A denúncia é anônima e gratuita, disponível 24 horas, em todo o país. (Com informações da assessoria)

 

*Nome da vítima foi alterado para manter a identidade em sigilo.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

Enquete

O Brasil tem casos de indisciplina e bullying na escola acima da média mundial

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 10/12/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,05 -2,06%

Algodão R$ 95,30 0,03%

Boi a Vista R$ 140,00 0,00%

Soja Disponível R$ 65,90 0,30%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.