Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 28/10/2020

Esporte - A | + A

APÓS PICO DA PANDEMIA 18.05.2020 | 09h45

Após Alemanha, 27 países europeus se preparam para retomar o futebol

Facebook Print google plus

Hannibal Hanschske/EFE/17-05-20

Hannibal Hanschske/EFE/17-05-20

O Campeonato Alemão recomeçou, no último fim de semana, com um saldo de muitos gols e esperança de que o país retome a normalidade, após o pico da pandemia causada pelo novo coronavírus.

 

Na sequência, outros 27 países da Europa projetam retomar suas ligas, cada uma delas seguindo o ritmo local de disseminação da covid-19. Algumas competições têm maiores chances de retomada do que outras, segundo o uruguaio El País.

 

Bielorrússia e Islas Faroe foram os únicos países que não interromperam as disputas. Por outro lado, a Bélgica (que se deparou com um alto número de mortes), a França, Gibraltar, Holanda e Luxemburgo tiveram os campeonatos encerrados.

 

Leia também - Diretor da OMS diz esperar que Jogos celebrem vitória sobre o coronavírus

 

A expectativa na Espanha é de que o campeonato nacional, a chamada La Liga, recomece em 12 ou 19 de junho.

 

A última rodada do Espanhol, a 27ª, ocorreu entre os dias 6 e 8 de março. O país viveu um mês dramático e, no dia 9 de abril, a pandemia entrava em seu pico. O Barcelona é o líder, com 58 pontos, seguido pelo Real Madrid, que tem 56.

 

Na Itália, país extremamente afetado pela pandemia, a Serie A, a liga italiana, realizou assembleia por videoconferência e, no último dia 13 de maio, propôs que o reinício seja no dia 13 de junho. O último jogo do campeonato ocorreu no dia 9 de março, na 26ª rodada.

 

Ainda é necessária, no entanto, a aprovação do governo, já que o ministro dos Esportes afirmou que, se nos testes nas equipes, um jogador estiver infectado, todo o elenco voltará à quarentena de pelo menos duas semanas.

 

 

Na Inglaterra, a FA (Football Association) a EFL (English Football League Championship) e a Premier League têm debatido com o governo sobre o retorno do futebol.

 

Nesta segunda-feira (18), o governo britânico afirmou que houve "bons progressos" para que isso ocorra no próximo dia 12. A última partida da Premier League foi realizada no dia 9 de março, pela 29ª rodada.

 

Já em Portugal, as possibilidades são bem maiores de que o futebol retorne no próximo dia 4. A decisão já foi formalizada pela Liga Portuguesa. O campeonato nacional está suspenso desde 12 de março e só não irá reiniciar caso haja uma nova alta de casos.

 

Veja as datas previstas para o retorno em cada país:

23 de maio​: Hungria e República Checa
28 de maio: Dinamarca
29 de maio: Áustria e Polônia
30 de maio: Croácia, Israel, Sérvia, Ucrânia e Lituânia
1 de junho: Montenegro
3 de junho: Albania
4 de junho: Portugal
5 de junho: Bulgária (com opção para o dia 12)
6 de junho: Eslováquia e Eslovênia
8 de junho: Suíça
​12 de junho: Inglaterra, Espanha (com opção para o dia 19) e Turquia
13 de junho: Itália e Islândia
14 de junho: Grécia e Suécia
16 de junho: Noruega
17 de junho: Finlândia
21 de junho: Rússia

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com abertura do comércio, bares, igrejas e retomada de festas, você já retomou à rotina?

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 28/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,60 0,16%

Algodão R$ 128,61 1,39%

Boi à vista R$ 247,18 0,00%

Soja Disponível R$ 165,00 0,92%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.