Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 07/08/2020

Esporte - A | + A

luta neste sábado 11.07.2020 | 08h43

Ficou dez anos sem perder; Confira sete curiosidades do lutador de MMA José Aldo

Facebook Print google plus

Reprodução

Reprodução

Neste sábado (11), José Aldo enfrenta Petr Yan pelo título do peso galo no UFC 251, na Ilha da Luta. Flamenguista apaixonado e considerado uma lenda da organização por seus feitos no peso pena, saiba algumas curiosidades do manauara que ficou sem ser derrotado por 10 anos na carreira. Confira:

 

Foi campeão sem lutar - Em 18 de novembro de 2009, o brasileiro nocauteou Mike Brown e conseguiu se tornar campeão do peso pena do WEC, título que defendeu duas vezes antes da empresa ser comprada pela gigante organização de MMA.

 

Leia também - Tudo ou nada para o atacante Neymar Jr na reta final da Uefa Champions League

 

Quando estreou no UFC, no dia 30 de abril de 2011, o lutador já era campeão da nova categoria, mas ainda assim venceu Mark Hominick por decisão unânime na edição de número 129

 

10 anos de invencibilidade - Em sua carreira como lutador, o brasileiro perdeu apenas seis vezes e defendeu seu cinturão outras sete vezes. Considerado um dos o maiores lutadores da história dos pesos pena (até 65,8kg), o brasileiro ficou 10 anos invicto. Sua primeira derrota foi para o irlandês Conor McGregor, em 2015.

 

Prêmio de melhor lutador do ano - Até perder pela primeira vez, o lutador era "um pesadelo" no caminho de seus adversários. Em 2010, Aldo chegou até a receber o prêmio de "Lutador do Ano"

 

Em seu cartel, o brasileiro tem 28 vitórias e seis derrotas. Um fato curioso é que suas lutas se resolvem na maioria das vezes em pé, já que apenas duas decisões foram no solo (uma vitória e uma derrota por submissão). São 17 nocautes a favor do lutador e três derrotas por golpes que o derrubaram.

 

Agressivo dentro do octógono, fora do ringue ele é apaixonado por futebol e, claro, pelo Mengão! Aldo chegou até a viajar para o Peru para assistir a final da Libertadores entre Flamengo e River Plate. E deve ter comemorado muito o título da equipe carioca.

 

Apaixonado por esportes desde muito novo, antes de decidir lutar nos ringues, o manauara tinha o sonho de ser jogador de futebol.

 

Entre essas paixões, uma que vem crescendo e conquistando grande parte dos esportistas, os E-sports. Na foto, ele aparece com uma caixa que recebeu do Fifa 2019 e até uma camisa do jogo.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Após a reabertura dos shoppings, você voltou a frequentar como antes da pandemia?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 07/08/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,30 -1,46%

Algodão R$ 115,18 1,08%

Boi a Vista R$ 138,50 -0,60%

Soja Disponível R$ 65,90 -1,64%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.