Publicidade

Cuiabá, Sexta-feira 27/11/2020

Polícia - A | + A

TEMIA PERDER CASAMENTO 24.10.2020 | 14h12

Delegado é preso por agredir amante e ameaçar família

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

Atualizada às 15h25 Um delegado de Rondonópolis foi preso na madrugada deste sábado (24). Ele teria agredido o amante e ameaçado seus familiares. Em um das investidas, o policial civil ficou gritando no portão da casa para que o rapaz com quem supostamente mantinha um relacionamento conversasse com sua esposa para que ele não perdesse o casamento.

 

Leia também - Vídeo mostra Pálio em chamas em avenida do Cristo Rei

 

Conforme o boletim de ocorrências feito pela Polícia Militar, a equipe foi abordada na região central da cidade pelo irmão do amante e um amigo. Eles indicaram o carro do delegado em que o namorado também estava. Foi feita a abordagem e o delegado se apresentou como policial civil, mas não estava com sua identificação. Outro policial civil foi chamado e compareceu ao local, confirmando a identidade do suspeito. Antes disso, o acusado já tinha xingado os militares e resistido à prisão. Ele dizia que não precisava daquela situação e acabou algemado. Quando se acalmou, a algema foi retirada e todos foram levados para a delegacia.


Consta no registro policial que tudo começou na noite de sexta-feira (23). A mãe do amante contou que seu outro filho havia ido até sua casa deixar o neto aos cuidados da avó para que ele saísse para jantar com a esposa. Logo após a saída, o outro filho, que seria namorado do delegado, ligou para o telefone do policial usando o celular da mãe.


Após a ligação, o homem apareceu na casa da vítima falando que queria ver o rapaz e que se ele não saísse iria matá-lo. A mulher resistiu a chamar, pois temia pela vida do filho. No entanto, o jovem saiu para o portão e houve agressão física entre ele o homem, que é casado. A mulher tentou intervir para que ambos parassem de se agredir e foi empurrada.


Depois, o delegado foi até o carro e pegou sua arma e apontou para o rapaz. A mãe entrou na frente para proteger o filho. Após isso o suspeito foi embora. No entanto, tentou contato telefônico com a mãe do seu suposto amante, mas ela não atendeu.


Passado um tempo, o suspeito apareceu na casa das vítimas gritando para o jovem: “conversa com minha mulher, para que eu não perca meu casamento". Diante da insistência, a mãe pediu que o delegado levantasse a blusa para que ela visse que ele estava desarmado. Quando a mulher saía para falar com o suspeito, o filho saiu de casa e a empurrou. Ela caiu e desmaiou. Quando acordou o filho que tinha saído para jantar, tinha voltado e queria saber o que tinha ocorrido.


O irmão havia saído com o delegado e ele e um amigo os seguiram. Na região central, viram a viatura policial e denunciaram os crimes de agressão e ameaça. Os militares abordaram o delegado e este resistiu a prisão.


Após toda a confusão na abordagem, o delegado e amante foram levados para a delegacia. O caso será investigado pela Polícia Civil da cidade.

 

Outro lado

A Polícia Civil informa que em relação à ocorrência registrada na noite desta sexta-feira (23) em Rondonópolis, todos os envolvidos foram conduzidos à Central de Flagrantes na 1ª Delegacia do município e ouvidos pelo delegado plantonista, sendo adotadas todas as providências legais sobre o fato.

 

Apenas um dos envolvidos decidiu pela representação criminal, sendo lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência por ameaça. O TCO será encaminhado ao Juizado Especial do Poder Judiciário local.

 

A Corregedoria da instituição já foi comunicada do fato e adotará as providências pertinentes no âmbito disciplinar.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Você concorda com o retorno das aulas presenciais em fevereiro ou acha melhor esperar a vacina?

Parcial

Edição digital

Sexta-feira, 27/11/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 62,00 0,00%

Algodão R$ 125,50 1,52%

Boi à vista R$ 252,87 -0,48%

Soja Disponível R$ 159,00 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.