Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 21/10/2019

Cidades - A | + A

desabrigados 09.10.2019 | 14h08

Aripuanã decreta situação de emergência após desocupação do garimpo

Facebook Print google plus

Assessoria Politec-MT

Assessoria Politec-MT

A prefeitura de Aripuanã decretou situação de emergência social por causa das pessoas em situação de vulnerabilidade que ficaram desabrigadas com a desocupação do garimpo na segunda-feira (7). A súmula foi publicada no Diário Oficial dos Municípios que circula nesta quarta-feira (9).

 

Na justificativa do decreto, o prefeito Jonas Canarinho (PR) afirma que por causa da desocupação cerca de duas mil pessoas estão desalojadas e, "em sua grande maioria, sem recursos financeiros para se alimentarem e retornarem às suas cidades de origem".

 

Leia também - Garimpo ilegal causa surto de malária em Aripuanã

 

Ainda segundo o decreto, que tem validade de 180 dias, a prefeitura não tem condição de atender as necessidades básicas dessas pessoas "em virtude dessa situação crítica e anômala".

 

O garimpo na Serra do Expedido foi alvo de investigações da Polícia Federal, após um avião ser apreendido com 6 quilos de ouro. Na região, que é área pública, um grupo começou a procurar ouro e depois passou a cobrar pela entrada de novos garimpeiros na terra.

 

Com o decreto, o município fica autorizado a dispensar licitação para a contratação de serviços e aquisição de bens para amenizar a situação de emergência e abrigar as famílias despejadas.

 

Além das pessoas desabrigadas, o prefeito enfatiza no decreto o problema na segurança, pois "há inúmeras pessoas descontentes com o fechamento do garimpo, o que tem provocado manifestações de toda ordem pelas vias públicas (...) que poderão gerar motim, revolta e violência".

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

Qual sua opinião sobre a educação domiciliar?

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 21/10/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,10 -1,04%

Algodão R$ 91,71 -0,33%

Boi a Vista R$ 129,95 0,00%

Soja Disponível R$ 70,00 -1,41%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.