Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 29/10/2020

Cidades - A | + A

sangue não coagula 03.09.2020 | 20h16

Médica picada por cobra está em estado grave e família cria 'vakinha' para transferi-la para SP

Facebook Print google plus

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

Quadro clínico da médica Dieynne Miranda Saugo, internada desde o último domingo (30) após ser picada duas vezes por uma cobra jararaca, na região turística de Nobres, se agravou na noite desta quinta-feira (3), e ela será transferida para São Paulo (SP). Família criou uma vakinha virtual para ajudar a arcar os custos, orçados em quase R$ 300 mil.


As informações são de amigos da Dieynne, que ainda está internada em UTI de uma unidade médica de Cuiabá com um quadro de discrasia sanguínea, que é quando o sangue para de coagular. Ela passou por uma transfusão nesta quinta antes de chegar nesse diagnóstico.

 

Leia também - Campanha pede doações de sangue para médica atacada por cobra

 

Pela falta de especialistas no caso e pela situação delicada em que ela se encontra - já que o sangue não está coagulando, uma das soluções encontradas foi transferi-la para São Paulo. As áreas em que ela foi picada - braço e pescoço - estão inchadas e necrosadas. A região do pescoço, por exemplo, é considerada vital.


O valor total da vakinha é de R$ 300 mil, as informações são de que a internação e os procedimentos cirúrgicos ficaram orçados em R$ 200 mil, já o transporte por táxi aéreo ficou R$ 40 mil, fora os gastos com medicamentos, para ajudar, acesse aqui.


Dieynne chegou a fazer uma traqueostomia na terça-feira (1) e, desde então, estava estável. Já no meio da manhã desta quinta, familiares lançaram uma campanha de doação de sangue.


O pesadelo começou no domingo, em uma cachoeira de Nobres. A médica estava com os amigos quando foi picada duas vezes pela cobra. Se banhando na queda d'água, não percebeu quando a cobra caiu em seu corpo.


Após perceber que havia sido picada, foi levada para a sede da pousada onde estava, mas não havia soro antiofídico. Foi socorrida pelos amigos e encaminhada para uma unidade de saúde, onde está internada desde então.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com abertura do comércio, bares, igrejas e retomada de festas, você já retomou à rotina?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 29/10/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 61,70 0,16%

Algodão R$ 130,32 1,33%

Boi à vista R$ 247,18 0,00%

Soja Disponível R$ 167,00 1,21%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.