Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 24/09/2020

Política de MT - A | + A

Deu em A Gazeta 05.08.2020 | 07h48

Botelho sinaliza recuo e DEM 'pensa' em Garcia

Facebook Print google plus

João Vieira

João Vieira

O presidente da Assembleia, Eduardo Botelho (DEM) ensaia a sua desistência da disputa para a Prefeitura de Cuiabá, a ser apresentada durante a próxima reunião da cúpula do partido para tratar do assunto. Com isso, a opção única para o Alencastro é a do ex-deputado federal Fábio Garcia (DEM).

 

Conforme o jornal A Gazeta apurou, o recuo de Botelho se deve à pressão familiar, já que sua esposa e irmão são contrários ao seu projeto. A família teme que a candidatura possa prejudicar as empresas da família.

 

“A empresa tem 5 contratos com o município. E caso ele [Botelho] se torne prefeito, poderá prejudicar a vida empresarial”, disse uma fonte que pediu para não ser identificada.

 

A família já vem pressionando Botelho para deixar a vida pública. Tanto que a possibilidade de ir para o Tribunal de Contas do Estado (TCE), caso abra vaga, seria uma forma do deputado atender a esposa.

 

Outros fatores que também contribuem para retirada do parlamentar da disputa é a preferência do governador Mauro Mendes (DEM) por Garcia. Mendes já tinha firmado um compromisso em 2018 de apoiar Fábio Garcia para prefeito, por conta de sua desistência de tentar a reeleição para deputado federal.

 

Outro fator que pesa é o apoio da cúpula nacional ao nome de Garcia. O presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e o presidente nacional do DEM, o prefeito de Salvador, ACM Neto, já declararam que a candidatura de Fábio Garcia é uma das prioridades do partido neste ano.

 

Porém, Fábio Garcia apresenta algumas exigências para concorrer ao Palácio Alencastro. Uma delas é a garantia da unidade do partido em torno do seu nome. Nos bastidores, Garcia teme que alguns membros do partido não se dediquem a campanha, ou então apoiem outros candidatos por ‘baixo dos panos’. A desconfiança vem por conta dos irmãos Júlio e Jayme Campos (DEM), que não escondem ter uma boa relação com Emanuel Pinheiro (MDB).

 

Confira reportagem completa na edição do Jornal A Gazeta

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Onze candidatos disputam o Senado, você acha que o número amplia o leque de propostas ou mostra a desunião da classe política?

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 24/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,70 2,25%

Algodão R$ 92,48 0,51%

Boi a Vista R$ 138,00 0,00%

Soja Disponível R$ 70,50 -0,70%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.