Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 20/11/2019

Política Nacional - A | + A

12.11.2015 | 18h04

Bolsonaro chega a Cuiabá defendendo uso de fuzil contra MST

Facebook Print google plus

O deputado federal Jair Bolsonaro (PP/RJ), que chegou em Cuiabá na tarde desta quinta-feira (12) para um evento do PP na Capital, foi recebido por mais de 100 pessoas no aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande. A maioria delas faz parte do Movimento Gigantes do Brasil que pede a saída da presidente Dilma Rousseff (PT) da presidência.

Com faixas e cartazes e ao som de "Fora Dilma" e "Bolsonaro presidente do Brasil", o deputado não escondeu a alegria de ser recebido por fãs adeptos de suas posições políticas.

Bolsonaro, avesso à esquerda brasileira, disse que não é contra Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (LGBTs), mas considera intolerável levar o tema para a sala de aula.

O parlamentar argumenta que porte de arma tem que ser livre e fazendeiro deveria usar fuzil. "Pra se defender do MST e de ladrões de gados tem que usar armas pesadas".

A manifestação no aeroporto, para Bolsonaro, mostra que a juventude está abrindo os olhos para a situação política e econômica do país. "Essa esquerda é da fome, da miséria, temos que tirar esse povo do PT que está afundando o Brasil".

O deputado surge como candidato à presidência da República e conta já estar sendo boicotado por pessoas que tentam aniquilar a sua "virtual" candidatura de 2018.

Um dos representantes do Movimento Gigantes do Brasil defendeu o deputado e avaliou que ele está sendo mal interpretado por parte da sociedade que o critica. "Concordamos com o que ele realmente pensa e não com o que fazem dele".

O Movimento também organiza uma caravana para participar do protesto contra Dilma que acontece no próximo domingo (15), em Brasília.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

antonio - 18/11/2015

Eu te desafio, Bolsonaro, a ser menos recalcado.

Dimas Coelho - 17/11/2015

BOLSONARO 2018! por um Brasil melhor, por mudanças e por PATRIOTISMO!! Hail Bolsonaro!!!!!!!!!!!!!!!!!

jucelino - 17/11/2015

Bolsonaro presidente.o cara

Eduardo - 16/11/2015

E quem protege o MST que invade fazenda ARMADOS, com pistolas, facões e foices, destruindo todo o trabalho de um agricultor e pais de família?

aparecido domingos de souza - 14/11/2015

Bolsonaro se voce tem a soluçao para o brasil ,,,,,,,,,,, apresenta o projeto na camara dos depultados ,,,,,,,,,,aproveita e apresenta um projeto para acabar com o foro previlegiado dos deputados e senadores e governadores......que e usado pra eles roubar o dinheiro da educaçao e saude e segurança

BERNADETE - 14/11/2015

Depois dessa declaração fico me perguntando: será ele o comandante do tráfico no Rio de Janeiro? Porque lá, noas morros quem manda são os fuzis...

Paulo - 14/11/2015

Bolsomito, presidente de 2018. Para por ORDEM e se ter PROGRESSO.

GRÉG J.P - 13/11/2015

BOLSONARO PRESIDENTE EM 2018

Flavio - 13/11/2015

Fuzil é pouco pra essa corja de a toa e desavergonhados.

9 comentários

1 de 1

Jornal do Meio Dia - JM

Jornal do Meio Dia - JM

GD

GD

Enquete

48% dos jogadores negros dizem ter sofrido racismo no futebol

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 20/11/2019

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 20,95 1,80%

Algodão R$ 89,91 -0,12%

Boi a Vista R$ 134,27 0,00%

Soja Disponível R$ 67,40 0,60%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.