Publicidade

Cuiabá, Domingo 12/07/2020

Política de MT - A | + A

INVESTIGAÇÃO DO STF 27.05.2020 | 09h34

Militante da extrema-direita de Sinop é alvo de ação da PF contra fake news

Facebook Print google plus

Reprodução/Facebook

Reprodução/Facebook

(Atualizada às 10h02) - Ativista político da extrema-direita, empresário Marcelo Stachin, morador de Mato Grosso, foi um dos alvos da Polícia Federal durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (27), no inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF), que investiga a propagação de fake news na internet e ataques aos ministros da suprema corte.

 

Morador de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá), Marcelo é uma das principais lideranças da direita no Norte de Mato Grosso, e nas redes sociais se classifica como “Cristão-Patriota-Ativista Político de Direita-Monarquista-Conservador-Filho Honrado de Pais Honestos-Empreendedor-Ucraniano”.

 

Leia também - Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em ação contra fake news

 

Nos últimos dias, esteve acampado em Brasília ao lado dos apoiadores do governo do presidente Jair Bolsonaro e participou de atos que defenderam pautas consideradas antidemocráticas, como o fechamento do STF, Congresso Nacional e um novo AI-5.

 

Durante sua passagem pela Capital Federal, postou diversos vídeos e fotos do acampamento. Em uma das fotos, aparece ao lado do deputado estadual do Ceará, André Fernandes, que tem como lema "Deus, Família e Armas", também um dos alvos de busca e apreensão da PF durante a operação. 

 

Há 4 dias, defendeu a fala do ministro da educação, Abraham Weintraub, que em reunião ministerial defendeu a prisão dos ministros do STF, os chamando de 'vagabundos'. Veja as postagens no final da matéria. 

 

Ainda nas primeiras horas desta quarta-feira, Marcelo chegou a publicar um vídeo em sua rede social, onde aparece tomando café ao lado do irmão e da sua família em um sítio em Nova Mutum. Ela mostrou um pouco do cotidiano no local. Em nenhum momento citou a operação.

 

A reportagem do entrou em contato com Marcelo no celular disponibilizado em sua página no facebook, mas as ligações não foram completadas. 

 

Operação

Inquérito conduzido pelo ministro Alexandre de Moraes tramita em sigilo e atinge políticos, empresários e apoiadores do governo Bolosnaro. Entre os alvos estão o empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, o ex-deputado Roberto Jeferson, presidente nacional do PTB, deputados do Rio de Janeiro e outros.  

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

ROSINO BOMFIM - 27/05/2020

Faço das palavras do MINISTRO as minhas.

1 comentários

1 de 1

Enquete

Você acredita na eficácia das barreiras sanitárias implantadas em Cuiabá?

Parcial

Edição digital

Domingo, 12/07/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 19,25 -0,26%

Algodão R$ 90,31 -0,27%

Boi a Vista R$ 137,50 0,55%

Soja Disponível R$ 68,00 0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.