Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 02/12/2020

Política de MT - A | + A

Deu em A Gazeta 31.07.2020 | 08h27

'Nome do agro' gera disputa e reflete no palácio

Facebook Print google plus

OTMAR DE OLIVEIRA

OTMAR DE OLIVEIRA

A disputa pela vaga deixada por Selma Arruda (Podemos) no Senado está causando efeitos dentro do governo Mauro Mendes (DEM) e na sua base aliada. Isso porque cresce a tese de que o vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) estaria sendo preterido internamente por conta do senador interino Carlos Fávaro (PSD), que também disputará a vaga.

 

Conforme o jornal A Gazeta apurou, a questão interna teria ultrapassado o campo político e passou para ações da própria gestão. Pivetta estaria reclamando de uma certa ‘demora’ no andamento de obras e projetos de responsabilidade do vice-governador.

 

Em contrapartida, de acordo com fontes ligadas aos setores, as queixas seriam de que emendas de Fávaro estariam sendo divulgadas e agilizadas com mais rapidez e pressa. O governador Mauro Mendes gravou um vídeo com Fávaro dizendo que iria investir em várias áreas, graças às emendas do senador interino.

 

Um membro do governo, que pediu para não ser identificado, aponta que projetos administrativos internos de interesse público estariam caminhando num ritmo mais lento.

 

E o movimento pró-Fávaro ganha mais força com uma articulação de bastidores avalizada principalmente pelo agronegócio, em apoio de uma candidatura única com o atual senador Carlos Favaro como candidato à reeleição na disputa pela vaga da senadora cassada Selma Arruda.

 

Pelo lado político, o governador Mauro Mendes (DEM) estaria conduzindo o processo da candidatura de Fávaro, lembrando que ele foi o maior articulador e defensor da posse do mesmo como senador enquanto não se realizava a nova eleição.

Todos os movimentos de Mauro Mendes são no sentido de convencer aliados em fechar a questão entorno de uma candidatura única.

 

Barões do agro
Mas os intitulados barões do agronegócio, o ex-governador, senador e ministro Blairo Maggi (PP) e o maior produtor mundial de soja, Eraí Maggi, costuram o fechamento de questão. A articulação político-econômica contaria com outros interessados partidários e até mesmo com possíveis entendimentos envolvendo as disputas municipais.

 

Aí entraria o MDB, que busca manter a aliança de siglas que elegeram Mauro Mendes unidas, e ao mesmo tempo conquistar apoios importantes, como em Cuiabá, Rondonópolis, Sinop e Várzea Grande.

 

Selma Arruda foi cassada por unanimidade pelo TRE em 10 de abril de 2019 por caixa 2 e abuso de poder econômico. Já em 10 de dezembro o TSE julgou os embargos de declaração de Selma a manteve a cassação por 6 a 1, e a convocação de novas eleições.

 

No dia 31 de janeiro o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli, atendeu um pedido do governador Mauro Mendes que solicitou a posse do 3º colocado nas eleições de 2018, e determinou que o mesmo assumisse assim que a vaga ficasse aberta. Para o presidente da Corte Suprema, Mato Grosso não poderia ficar com apenas 2 senadores, por conta do pacto federativo que garante a paridade de representatividade dos estados no Senado com 3 representantes.

 

Já no dia 15 de abril, o Senado oficializou e decretou a perda de mandato de Selma Arruda, e, um dia depois, o TRE o diplomou, tomando posse no dia 17 de abril.

 

Leia mais notícias sobre Política de MT na edição do Jornal A Gazeta

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

ROSINO BOMFIM - 31/07/2020

NÃO VOTO EM NINGUÉM DO AGRO !!

1 comentários

1 de 1

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Quarta-feira, 02/12/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 60,50 -0,82%

Algodão R$ 127,85 0,33%

Boi à vista R$ 254,60 0,64%

Soja Disponível R$ 154,50 0,32%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.