Publicidade

Cuiabá, Segunda-feira 06/04/2020

Cidades - A | + A

após o nascimento 27.02.2020 | 07h15

Abandonada pelo marido, mulher precisa de ajuda para criar quatro filhos

Facebook Print google plus

Adriana Néris

Adriana Néris

Com vaquinhas e ajuda de voluntários, a dona de casa Andreza Santos Araújo, 23, tenta criar os 4 filhos pequenos. O pai das crianças foi embora, deixando a mulher sozinha com o filho mais velho, de 4 anos, e os trigêmeos, que têm um ano e meio. Sem condições, ela precisa de doações.

 

Atualmente, Andreza e os filhos moram no bairro Solaris do Tarumã, em Várzea Grande. Natural de Aracajú (SE), ela e o ex-marido vieram para Mato Grosso em busca de condições de vida melhores.

 

Pedro veio logo em seguida, no entanto, quando os trigêmeos Olavo, Otávio e Adriana nasceram, o pai abandonou a família sem amparo nenhum. Ele não manteve contato com as crianças por opção dele.

 

Leia também - 2 mil pessoas estão à espera do Bolsa Família em Cuiabá

 

Com as 4 crianças pequenas, é impossível Andreza dar conta de trabalhar e cuidar dos filhos sozinha. Além disso, ela não tem família em Mato Grosso. A fotógrafa Adriana Néris é voluntária e acompanha Andreza há um ano, quando viu um vídeo da mulher pedindo ajuda para dar banho nas crianças.

 

Néris relata que a jovem de apenas 23 anos morava em uma zona de risco no bairro da Manga, em Várzea Grande, até que conseguiu uma residência pelo programa Minha Casa Minha Vida. Apesar de receber ajuda do Bolsa Família, ela ainda vive com pouquíssimo dinheiro.

 

“Não tem jeito, porque ela não conseguiu uma creche e ela não consegue sair pra trabalhar, quem vai ficar com os bebês? Ela recebe R$ 200 de Bolsa Familia, sendo que R$ 100 ela destina para as parcelas da casa”, explica.

 

Fora as despesas, dois filhos de Andreza estão na fila do SUS para tratamento. Os gêmeos Olavo e Otávio têm as pernas tortas e precisam de ortopedista, enquanto Adriana tem estrabismo e precisa de um oftalmologista.

 

A jovem precisa de todo o tipo de doação: roupas de crianças, leite, fraldas, comida e até mesmo material de construção, para ampliação da casa, uma vez que os berços não cabem no quarto. Toda a ajuda é bem-vinda.

 

“É uma campanha de todos pela Andreza, porque é ela quem precisa de atenção, ela é carente e voltar pra Sergipe é fora de qualquer pensamento dela. Em Sergipe, eles passavam fome”, conta Adriana.

 

Quem quiser ajuda a Andreza pode entrar em contato com a Adriana pelo telefone (65) 98129-9593.

 

Ela também recebe doações nas seguintes contas:

 

Itaú
Agência: 7692
C.P: 118446 / 500
Andreza Santos Araújo
CPF: 861.856.225-48

 

Banco do Brasil
Agência: 3940-3
Conta: 28624-9
Andreza S. Araújo

 

Veja o vídeo

 

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

A cloroquina está liberada para o tratamento dos pacientes do coronavírus no Brasil, mas a polêmica continua

Parcial

Edição digital

Segunda-feira, 06/04/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 23,90 1,27%

Algodão R$ 93,81 -0,03%

Boi a Vista R$ 132,53 -0,73%

Soja Disponível R$ 72,50 -0,82%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2019 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.