Publicidade

Cuiabá, Domingo 05/07/2020

Economia - A | + A

DEU EM A GAZETA 08.04.2020 | 07h23

Padaria Moinho fecha após 20 anos sem data para reabrir

Facebook Print google plus

Chico Ferreira

Chico Ferreira

Padaria Moinho fecha as portas por tempo indeterminado nesta quarta-feira (8), aniversário de Cuiabá, após 20 anos de atividade diária ininterrupta. A decisão foi tomada como medida de contenção à propagação do coronavírus (Covid-19).  

 

Foram demitidos 88 funcionários e liquidado todo o estoque, informa o proprietário Anésio Kokura. Apesar do faturamento da empresa ter aumentado nos últimos dias devido à maior circulação de clientes no estabelecimento após fechamento da maior parte do comércio da Capital, o empresário optou por fechar as portas da padaria, por precaução. Atualmente empresas do ramo de panificação podem funcionar normalmente, conforme decreto do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro.  

 

Leia também - Fechado, hotel manda mensagem de amor para superar tempos difíceis

 

Kokura diz estar tranquilo com a decisão tomada, por considerá-la a mais adequada para o momento de incerteza provocado pela pandemia. “É a maior crise mundial da história da humanidade”, avalia.  

 

Segundo ele, a empresa usufrui de saúde financeira que permite suspender as operações nesse momento. Para ele, essa escolha é mais prudente do que recorrer ao amparo governamental disponibilizado às empresas.  

 

Explica que a retomada das operações é uma possibilidade futura, mas evita cravar uma data. Quanto aos funcionários desligados, garante que todos receberão as verbas indenizatórias e poderão habilitar o seguro-desemprego. Diante de eventual retomada do atendimento, cogita a recontratação dos mesmos colaboradores.

 

Lembra que a Padaria do Moinho suspendeu primeiramente o atendimento no café e restaurante no dia 19 de março, em antecipação ao decreto municipal (nº 7.849/2020) que proibiu as atividades em lanchonetes, bares, restaurantes e shoppings, publicado no dia 20 de março.

 

Leia mais sobre Economia na edição do Jornal A Gazeta

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Graci - 24/04/2020

20 anos de atividade??? Só se for quando começou a construção né queridos porque esse lugar faz uns 7 anos no máximo que está funcionando.. mais verdades por favor!!

Marcos - 08/04/2020

Grandes coisas meu serviço esta parado como varios por ai e ninguem comenta agora por qie eapadaria do moinho tem que ter o diferencial isso e cuiaba parabems cuiaba

cidão - 08/04/2020

mais faz uma pergunta quem é dono da panificado os dizem não estou autorizado a dizer o nome ai tem coisa.

Renato Resende - 08/04/2020

Com o foi feito o cálculo para se chegar a 20 anos?

DILMA DIAS - 08/04/2020

Um exemplo a ser seguido. Pessoas não são máquinas.

5 comentários

1 de 1

Enquete

Governo federal está liberando R$ 1.045 do FGTS por trabalhador para movimentar a economia. O que você fará com o benefício?

Parcial

Edição digital

Domingo, 05/07/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 22,80 -0,44%

Algodão R$ 91,83 -0,29%

Boi a Vista R$ 135,00 0,25%

Soja Disponível R$ 65,40 -0,15%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.