Publicidade

Cuiabá, Quarta-feira 30/09/2020

Economia - A | + A

R$ 95,53 bilhões 18.06.2020 | 08h40

Auxílio emergencial de R$ 600 lidera gastos do governo com a pandemia

Facebook Print google plus

Barbara Batista

Barbara Batista

O governo federal já gastou R$ 175,6 bilhões no combate à pandemia de coronavírus no Brasil até quarta-feria (17). O valor equivale à 43% do total do orçamento liberado por meio de medidas provisórias, de R$ 404,2 bilhões.

 

O auxílio emergencial de R$ 600 para os trabalhadores informais e famílias de baixa renda lidera os gastos. Estão previstos R$ 152,6 bilhões para as três parcelas, por meio da medida provisória 937/20, dos quais R$ 95,53 bilhões já foram pagos. O governo já confirmou mais duas parcelas do auxílio, mas ainda não bateu o martelo sobre o valor de cada uma.

 

Leia também - Reformas serão retomadas após situação emergencial, diz ministro Paulo Guedes

 

Os números fazem parte do Monitoramento dos Gastos da União com Combate à Covid-19, atualizado diariamente, no Portal Tesouro Transparente, da Secretaria do Tesouro Nacional, ligada ao Ministério da Economia.

 

A linha de crédito criada para financiar a folha salarial de pequenas e médias empresas é a segunda maior despesa já executada. Dos R$ 34 bilhões disponibilizados por meio da MP 943, metade (R$ 17 bilhões) foi executada.

 

Crédito a micro e pequenas empresas

Em seguida, vem o Fundo Garantidor de Crédito para Micro, Pequenas e Médias Empresas para o Programa Emergencial de Acesso a Crédito, da MP 977, que efetivamente já gastou quase metade (R$15,9 bilhões) do total previsto (R$ 35,9 bilhões).

 

O auxílio financeiro aos estados, municípios e DF vem na sequência com o quarto maior valor gasto, de R$ 21,6 bilhões, de um total de R$ 76,1 bilhões, pela MP 939. O Benefício Emergência de Manutenção do Emprego e da Renda usou até agora um quinto (R$ 11,1 bilhões) dos R$ 51,6 bilhões disponíveis, pela MP 935.

 

No total, o governo Bolsonaro editou 25 MPs de crédito extraordinário para financiar ações de enfrentamento aos efeitos do coronavírus no Brasil. A primeira é do início de fevereiro (MP 921/20), anterior ao primeiro caso de infecção por covid-19 no país, confirmado apenas do final daquele mês. A medida provisória liberou recursos para retirar brasileiros que estavam em Wuhan, na China, cidade onde supostamente surgiu o novo coronavírus.

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Na sua opinião, por que tantos candidatos milionários querem entrar na política?

Parcial

Edição digital

Terça-feira, 29/09/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 21,57 -3,36%

Algodão R$ 91,71 -0,25%

Boi a Vista R$ 131,37 0,07%

Soja Disponível R$ 66,90 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.