Publicidade

Cuiabá, Quinta-feira 03/12/2020

Política de MT - A | + A

denúncia de propina 19.10.2020 | 18h32

Nilson Leitão nega compra de dólares e turismo em Miami

Facebook Print google plus
Izabelle Borges - Especial para o GD

izabelle@gazetadigital.com.br

Luiz Macedo/Câmara dos Deputados

Luiz Macedo/Câmara dos Deputados

Durante entrevista cedida à TV Vila Real, por meio do Jornal do Meio Dia, nesta manhã de segunda-feira (19), Nilson Leitão (PSDB) negou qualquer envolvimento em esquemas de corrupção. O candidato ao Senado havia sido delatado por Permínio Pinto, secretário da Educação do Estado durante o mandato de Pedro Taques.


Na delação, Permínio acusou Nilson Leitão de receber propina e utilizar o dinheiro para comprar dólares e fazer turismo em Miami (EUA). Foi aberto um inquérito pela Polícia Federal.


O candidato ao Senado, além de negar estar envolvido, afirmou que só soube das acusações por meio da imprensa, não tendo sido notificado.

 

Leia também - Um quê de racismo, diz Procurador Mauro sobre pergunta


Segundo o tucano, ele foi usado pelo advogado de Permínio, por ter foro privilegiado. “Eu acho que naquele momento o advogado usou o meu nome para tirar o processo de Cuiabá, porque ele não conseguia fazer a delação aqui”, declarou.


Para justificar sua defesa, Nilson Leitão defendeu que não possui processos criminais e que está “tranquilo em relação a isso”. Além disso, afirmou ter sido o único parlamentar de Mato Grosso a liderar o processo para manter a força do Ministério Público até a força de investigação.


Embora diga que Permínio precisa provar o que disse, Nilson reforça que não possui mais vínculos com o delator, desde a prisão.

 

Sobre ter sido citado por Alan Maluf recentemente, o candidato negou duramente e disse que Maluf teria ‘mentido feio’.
“Eu não tenho nenhuma relação com Alan Maluf”, dispara.

 

Confira a entrevista na íntegra

Vídeo

Voltar Imprimir

Publicidade

Comentários

Enquete

Com o resultado da eleição, você acredita em uma Cuiabá melhor a partir de 2021

Parcial

Edição digital

Quinta-feira, 03/12/2020

imagem
imagem
imagem
imagem
imagem
imagem

Publicidade

btn-4

Indicadores

Milho Disponível R$ 60,00 -0,83%

Algodão R$ 126,90 -0,91%

Boi à vista R$ 252,62 -0,19%

Soja Disponível R$ 154,50 0,00%

Publicidade

Classi fácil
btn-loja-virtual

Publicidade

Mais lidas

Publicidade

O Grupo Gazeta reúne veículos de comunicação em Mato Grosso. Foi fundado em 1990 com o lançamento de A Gazeta, jornal de maior circulação e influência no Estado. Integram o Grupo as emissoras Gazeta FM, FM Alta Floresta, FM Barra do Garças, FM Poxoréu, Cultura FM, Vila Real FM, TV Vila Real 10.1, TV Pantanal 22.1, o Instituto de Pesquisa Gazeta Dados, Gráfica Millenium e o Portal Gazeta Digital.

Copyright© 2020 - Gazeta Digital - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem a devida citação da fonte.